Polícia investiga desaparecimento de viúva após velório do marido assassinado na Grande Natal

As câmeras de segurança de um centro de velórios mostram o momento que homens fizeram um arrastão e saíram de lá com uma mulher de 24 anos, viúva de um homem assassinado e que estava sendo velado. O caso aconteceu no bairro Alecrim, Zona Leste de Natal, no dia 21 de abril deste ano. Desde então, a polícia investiga o caso e busca encontrar a mulher e os suspeitos.

As imagens mostram o momento em que os criminosos chegam ao local e uma mulher abre a porta para eles. Eles entram e rendem todas as pessoas no local. Gerina Ribeiro da Silva estava no velório do próprio marido, Augusto Magalhães de Oliveira, morto a tiros em uma granja em São José de Mipibu, região metropolitana de Natal, na terça-feira 18 de abril. Segundo a polícia, ele era traficante de drogas.

Após pegarem objetos das pessoas, os homens saem do local, junto com a viúva. O fato aconteceu por volta das 2h40.

A polícia tem duas linhas de investigação: queima de arquivo, ou vingança. Segundo os investigadores, Gerina pode ter algum envolvimento no assassinato do marido e os supostos comparsas resolveram se livrar dela. Na segunda hipótese, alguma pessoa ligada a Augusto (o marido assassinado) poderia ter descoberto a suposta participação da mulher e resolvido se vingar.

Fonte: g1/rn

Deixe uma resposta