Polícia prende empresário que atirou em Youtuber por briga no trânsito; ela tinha 14 anos

Polícia Civil confirmou que está preso um empresário de 26 anos, morador em Curitiba, acusado de atirar contra a youtuber de 14 anos, de Paranaguá, Litoral do Estado, na madrugada desta quarta-feira (14), durante uma briga de trânsito. A prisão em flagrante, feita pela Polícia Militar, aconteceu no Balneário de Canoas, em Pontal do Paraná próximo ao local do crime, que aconteceu durante a madrugada em Balneário Shangrilá. O detido, que se preparava para retornar a capital, foi encaminhado com mais dois amigos à Delegacia de Matinhos.

Além do suspeito, a polícia encontrou uma pistola 380 e apreendeu o carro utilizado no crime. O irmão do suspeito e um adolescente estavam com ele no momento da prisão e a polícia investiga se ele será liberado ou teve participação no atentado. A arma é legal e o suspeito é um empresário que atua na região Sul de Curitiba, no bairro Sitio Cercado, e que estava passando o feriado de Carnaval na praia.

“Ao serem abordados, os suspeitos demonstraram surpresa, porque não sabiam que tinham atingido a garota. Eles relatam que foram fechados pelo carro em que estava a Youtuber e que atiraram porque acharam que estavam sendo seguidos pelos ocupantes. Essa versão é dada por eles e agora vamos investigar para chegar a uma conclusão sobre o que de fato aconteceu”, disse o delegado Miguel Stlader, responsável pelo caso.

Isabelly teve morte cerebral

De acordo com o delegado, o suspeito vai permanecer preso por homicídio com dolo eventual. “É um crime inafiançável e o suspeito ficará preso e à disposição da Justiça. Por mais que alega não saber do crime, ele assumiu o risco ao atirar contra o carro”, descreveu.

O suspeito, que tem casa em Canoas e há anos passa o verão no balneário, não teve o nome revelado. Ele foi levado à Delegacia de Ipanema.

Estado grave

A adolescente permanece internada em estado grave, com morte cerebral, segundo a família, no Hospital Regional. Isabelly Cristine Santos estava ao lado da mãe e outras duas pessoas, dentro do carro da família, retornando para Paranaguá, quando foi atingida. 

De acordo com a polícia, a jovem tinham ido ao República Music Hall para entrevistar o MC Gusta para o seu canal no YouTube. O crime aconteceu na PR-042, próximo ao Balneário de Shangrilá, por volta das 3 horas, quando ela retornava da casa de shows. Assim que foi atingida, a mãe pediu socorro aos policiais militares que estavam em uma viatura no Balneário de Ipanema. Inicialmente, ela foi para o Pronto-Socorro local e depois transferida para Paranaguá.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta