Policiais civis podem protestar em feira e entidades pedem trégua durante evento

Um grupo de entidades que representa o setor produtivo de Rondônia emitiu nota nesta sexta-feira repudiando possíveis manifestações por parte do sindicato que representa a Polícia Civil, durante a Rondônia Rural Show, evento promovido pelo governo do Estado entre os dias 25 a 28 em Ji-Paraná.

No evento estarão presentes autoridades do legislativo e executivo e os policiais pretendem organizar algumas manifestações. A entidades que representam segmentos empresariais, pedem na nota que “a Polícia Civil que reavalie a possibilidade desse movimento, pois este ato certamente vai prejudicar sensivelmente todo o agronegócio de Rondônia, atualmente responsável por mais de 80% do volume de exportação e grande motivador do crescimento do PIB do estado”.

Os policiais estão em pé de guerra com o governo e querem, entre outras, o plano de cargos da categoria, além das melhorias nas condições de trabalho. Diversas delegacias estão fechadas e a segurança pública em Rondônia vem atravessando uma crise sem precedentes.

Veja abaixo a nota dos empresários:

Setor produtivo repudia possível movimento da Polícia Civil na Rondônia Rural Show

O setor produtivo do estado de Rondônia, abaixo assinado, vem a público manifestar seu repúdio e preocupação ao anúncio de movimento contra o governo de Rondônia organizado pelo Sindicato dos Servidores da Polícia Civil do Estado de Rondônia, durante a realização da 5ª edição da Rondônia Rural Show, que acontece de 25 a 28 de maio.

Conforme anunciado pelo Sindicato, membros da Polícia Civil devem promover vários protestos e mobilização da categoria contra atos do executivo estadual – que não estaria atendendo pleito do Sindicato – no parque de Exposição onde irá acontecer a feira.

O setor clama ao corpo da Polícia Civil que reavalie a possibilidade desse movimento, pois este ato certamente vai prejudicar sensivelmente todo o agronegócio de Rondônia, atualmente responsável por mais de 80% do volume de exportação e grande motivador do crescimento do PIB do estado. Chama ainda a atenção dos servidores de que o agronegócio é o único setor que mantém números positivos frente a esta grande crise econômica que assola todo o país.

Vale ressaltar que a Rondônia Rural Show tornou-se, em pouco tempo, vitrine positiva de Rondônia para o restante do país. A feira conseguiu projetar o estado como grande produtor, que a cada ano vem aderindo a novas tecnologias para incremento da produção e ofertando cada vez mais produtos de alta qualidade. Essa vitrine positiva, é a grande responsável pela confirmação de 15 delegações de outros países que vêm a Rondônia na busca de novos produtos e novos negócios.

Do sucesso da feira dependem milhares de produtores rurais, ligados a agricultura familiar, às agroindústrias, à pecuária, ao setor de laticínios, à piscicultura, e tantos outros mercados que surgem a cada dia no estado em função desse constante crescimento. Aliado a este sucesso, um transcorrer pacífico e ordeiro do evento corrobora para que a cada ano a Rondônia Rural Show seja referência ao restante do país.

Ante essa situação, clama ao Sindicato dos Policiais Civis do Estado de Rondônia, que se sensibilize ao setor e contribua para que, mais uma vez, Rondônia possa mostrar sua força, em tempos de crise, e oportunizar o crescimento econômico de milhares de famílias e empreendedores que acreditam no potencial desta terra.

Porto Velho, 20 de maio de 2016.

FAPERON – Federação da Agricultura e Pecuária do Estado de Rondônia
APRRO – Associação dos Proprietários Rurais de Rondônia
SINPEC- Sindicato dos Pecuaristas de Porto Velho
SIMERO – Sindicato dos Metalúrgicos de Rondônia

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

2 thoughts on “Policiais civis podem protestar em feira e entidades pedem trégua durante evento

  1. A Polícia Civil trabalha para a sociedade!
    Nossa luta é para garantir Paz Justiça e Proteção.
    Não temam, essa luta não deve ser só dos policiais
    civis e sim de todos os moradores de Rondônia.
    Precisamos e contamos com o apoio de vocês,
    homens e mulheres de bem!!!
    Nossa luta é por dignidade e não só por salário!
    Nossa luta é por melhores condições de trabalho, por
    infraestrutura decente para atender a sociedade!
    Nossa luta é por efetivo para trabalhar com eficácia
    diante da demanda das ocorrências.
    Nossa luta é para cuidar de vidas!
    Nossa luta é contra a criminalidade!
    Nossa guerra é pela sociedade!
    Valorizar o policial é investir em vidas!
    Avante avante Polícia Civil
    #precisamosdoapoiodevocês
    #precisamosdoapoiodaspessoasdebem
    #essalutaédetodos
    #pormaissegunçaemRondônia

  2. A polícia civil estar negociando esse pccs a mais de três anos, quando o Estado estava no crescimento, recorde em arrecadação e ninguém lembrou da Polícia Civil agora vem com essa. Cumpra o acordo.

Deixe uma resposta