Policial Civil também foi preso na Operação Detalhe

No total foram 9 prisões, entre eles o presidente da Câmara de Cacoal

A Operação Detalhes, deflagrada pela Polícia Civil na manhã desta sexta-feira em Cacaol, cumpriu 9 mandados de prisão. Entre os presos estão um policial civil, o presidente da Câmara de Vereradores, Paty Paulista (PTB), Cesar Condack (PSDC), Pedro Ferrazim (PP) que é ex-presidente da Câmara e Toninho da Emater (PTN), sendo este recém empossado. A chefe de gabinete da prefeitura, Maria Ivani, também conhecida como Ivone, foi presa.

[su_frame align=”right”] [/su_frame]Ela é o pivô das investigações e em conversas gravadas ela disse que “o povo era apenas um detalhe”, daí o nome da operação. Na ocasião ela se referia a uma possível pressão por parte da população em relação ao arquivamento do pedido de afastamento do prefeito Franco Vialetto (PT) feito pela Câmara em função de investgações realizadas pela CPI que investigou desvios de recursos da construção de uma Unidade de Pronto Atendimento em Cacoal.

PAINEL POLÍTICO obteve imagens exclusivas da reunião de “briefing” da Polícia Civil feitas na manhã desta sexta-feira, momentos antes das diligências. As imagens mostram delegados e agentes que participam da operação.

detalhe1

 

detalhe3

 

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

1 thought on “Policial Civil também foi preso na Operação Detalhe

  1. mais uma armação com intuito político em nosso estado, inocentes presos, judiciário contaminado pela mentira, e traumas irreparáveis, deus salve nosso estado.

Deixe uma resposta