0

Rachando

A derrocada política do casal Raupp nesta eleição, além do desgaste natural, teve um ator fundamental no processo, chamado Confúcio Moura. O ex-governador rachou o MDB durante a pré-campanha quando colocou seus apaniguados para promover um quebra-quebra na convenção do partido, grudou como um carrapato nas costas de Maurão de Carvalho, candidato da legenda ao governo e chupinhou o que pode de Valdir Raupp. Confúcio quase perdeu a eleição para o estreante Jaime Bagattoli (PSL) que perdeu o “timing” do processo eleitoral. E como saldo, destruiu o que restava do patrimônio político do partido.

O MDB já foi uma máquina

O partido era praticamente imbatível em Rondônia, mas isso acontecia porque a legenda era unida. Divergências eram tratadas internamente e quando a engrenagem política começava a girar, era difícil segurar. Prova disso foram as eleições de Raupp ao governo em 1994, ao senado em 2002 e de Confúcio em 2010 e 2014. Porém, ainda em 2017 Confúcio Moura deu início a uma série de intrigas dentro do partido, que foram minando a força de Raupp. Os primeiros indícios vieram com a pretensão de Maurão Carvalho, que se filiou ao MDB à convite do próprio Confúcio com o compromisso que seria candidato da legenda ao governo. Confúcio passou a criticar internamente a indicação de  Maurão, dizia que o deputado “não tinha preparo” para ser governador.

A partir disso

O MDB foi ladeira abaixo e o ápice da baixaria veio com um tapa na cara de Emerson Castro, ex-chefe da Casa Civil de Confúcio durante a convenção do partido, desferido por um dos fundadores do MDB em Rondônia, Tomás Correia. Confúcio vai entrar para a história como o pior governador que o Estado já teve, como o homem que destruiu o MDB e vai ser o senador que vai defender o fim da estabilidade no serviço público brasileiro.

E na capital

Enquanto reclama falta de verbas, a prefeitura de Porto Velho deixa de arrecadar cerca de 70% dos créditos líquidos que deveria executar. Isso ocorre porque a Procuradoria do Município não tem sistema, cronograma e nem um programa de metas a despeito das cobranças, uma completa ineficiência. Não fosse tudo isso ainda há a falta de comunicação da Semfaz e Semur com a PGM, quanto a atualização cadastral dos devedores e estima-se que 70% das execuções do Município de Porto Velho estão sendo extintas em função da falta de um cadastro atualizado. Essas cobranças variam de R$200 até R$ 3 milhões.

E mais

Se essas cobranças fossem feitas, o dinheiro poderia ajudar a sanar o problema de saneamento básico da capital, que continua crônico. Basta uma pequena chuva para transformar a cidade num grande pântano. Vale lembrar que a Ineficiência também leva a Improbidade Administrativa.

Gestão criminosa

No final do Governo Confúcio Moura, a Caerd estava com 5 folhas de salário em atraso e ele foi à imprensa dizer que não tinha solução “É triste, a Caerd está no fundo do poço e não tem salvação” [sic] . Sai Confúcio, entra Daniel destitui Iacira Azamor e nomeia Irineu, um funcionário de carreira, que em 5 meses de gestão coloca em dia a folha de pagamento dos servidores da estatal e ainda consegue sanar pequenos problemas de fornecimento de água que a Gestão Confúcio não conseguiu em 7 anos e meio. Irineu também conseguiu sanar algumas dificuldades nos municípios do interior. De fato, ficou demonstrado que Confúcio Moura provocou criminosamente, junto com Iacira Azamor, a destruição da Caerd com a finalidade de entregar a um grupo de coreanos.

Segurando (por enquanto)

A Mesa do Senado encaminhou ao Supremo Tribunal Federal pedido para que seja suspenso o mandado de prisão contra Acir Gurgacz (PDT), que poderia ser cumprido a partir das 17 horas desta terça-feira, 9, até que sejam “esgotados todos os recursos”. Em setembro, a Primeira Turma do Supremo determinou a prisão imediata do parlamentar após confirmar a condenação a quatro anos e seis meses em regime semiaberto pela prática de crime contra o sistema financeiro nacional. O problema é saber quais são os recursos, já que a Primeira Turma determinou “o imediato cumprimento de pena” após julgar os embargos do senador. Ele pode até ganhar um fôlego, mas dificilmente conseguirá segurar o mandato após fevereiro de 2019, quando assumir a nova composição do Senado Federal. E se bobear, Gurgacz ainda corre o risco de ficar nas mãos de….Marcos Rogério.

Marcos Rogério foi eleito senador

Nas comissões

Como deputado federal Marcos Rogério integra as comissões de Ética e a de Constituição e Justiça da Câmara. Foi relator do processo de cassação de Eduardo Cunha e isso certamente vai gabarita-lo para assumir as mesmas comissões no Senado Federal. Se isso acontecer, ele poderá julgar o caso de Acir Gurgacz, que foi seu padrinho político no passado. Eles andam com as relações estremecidas e olha a situação…O atual presidente da Comissão de Ética é João Alberto Souza, do Maranhão que não foi reeleito.

Depressão pode afetar a memória

A área do cérebro envolvida na formação de novas memórias, o hipocampo, parece encolher em pessoas com depressão recorrente, de acordo com um estudo recente. Um estudo publicado no Molecular Psychiatry Journal mostrou que pessoas com depressão, particularmente na sua forma recorrente, têm um hipocampo menor. Essa parte do cérebro foi também menor em participantes diagnosticados com depressão entes dos 21 anos de idade. Esse estudo longo confirma a necessidade de tratar os primeiros episódios de depressão efetivamente, particularmente em adolescentes e adultos jovens, para prevenir as mudanças cerebrais que acompanham a depressão recorrente. Apesar de existirem pesquisas intensas visando identificar as estruturas cerebrais relacionadas com a depressão nas décadas recentes, o entendimento sobre o que causa a depressão ainda é rudimentar. Os estudos não provaram causa e efeito, no entanto, os pesquisadores afirmam que mais estudos podem explicar se as mudanças cerebrais são resultados de estresse crônico, ou se essas mudanças podem ajudar a identificar pessoas que são mais vulneráveis a depressão.

Alan Alex
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

TSE ordena que WhatsApp passe dados de quem compartilhou vídeo com ofensas a Marina Silva

Previous article

PF faz operação para investigar eleitores que votaram com armas e incitação de violência

Next article

Comments

Participe do debate. Comente!

You may also like

More in Capa