CapaPolítica regional

“Geração de emprego e desenvolvimento serão prioridades”, diz Eduardo Japonês

0

PAINEL POLÍTICO entrevistou candidato à prefeito de Vilhena em eleição suplementar

No próximo dia 3, a população de Vilhena vai às urnas para escolher um prefeito, em função da cassação do mandato de Rosani Donadon (MDB) eleita em 2016 quando concorreu com liminar do Tribunal Regional Eleitoral (TRE) que foi derrubada pelo Tribunal Superior Eleitoral em março desse ano.

Dois candidatos disputam o cargo, Eduardo Japonês (PV) e Rosani, que já teve o pedido de registro de candidatura indeferido pela Justiça Eleitoral em Vilhena e recorreu ao TRE, com forte possibilidade de também não ter sucesso na Corte. A condição frágil de sua candidatura faz com que a campanha na cidade esteja morna, e a população apenas aguarda o dia da eleição para dar por encerrado o assunto. A tendência é que tenha uma alta abstenção, e é de olho nesse eleitorado que Eduardo Japonês, empresário bem sucedido no município, trabalha sua campanha.

Eduardo disputou a eleição com Rosani e perdeu por uma diferença de pouco mais de 4 mil votos em 2016. Com a cassação do mandato da prefeita, ele afirma que “agora a cidade terá uma nova chance e poderá se libertar”. Japonês se apresenta como um “não político”, e que quer resolver principalmente o problema de desemprego no município, que já atinge cerca de 10% da população.

Ele também pretende conceder um complemento do município ao Bolsa Família. Vilhena tem atualmente cerca de 6 mil cadastrados no programa social, “mas vamos complementar apenas para as famílias que tem crianças com idade de até cinco anos”, explica. Outra proposta de Japonês é a criação de cursos de capacitação e qualificação, além de resolver de uma vez por todas a questão do Distrito Industrial do município. E foi onde gravamos a entrevista. Confira na íntegra:

Eleição Suplementar em Vilhena
Alan Alex
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Câmara decide nesta terça se libera criação de novos municípios

Página anterior

Veja quem são os (até agora) candidatos ao governo e Senado em Rondônia

Próximo artigo

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Você também vai gostar

Mais em Capa