0

Placar na Corte foi unânime, mas ex-prefeito espera reverter decisão em Brasília

O ex-prefeito de Vilhena, Melki Donadon, teve indeferida, pelo TRE de Rondônia, sua candidatura a deputado federal. O julgamento acaba de ser encerrado com um placar unânime desfavorável ao pedetista. Donadon anunciou que não vai escolher substituto para sua vaga e permanece na disputa.

O relator da ação, Clênio Amorim Corrêa, votou para que o vilhenense fosse barrado no pleito deste ano, alegando crime eleitoral cometido por ele, julgado em primeira instância e confirmado pelo próprio TRE de Rondônia.

O voto do relator foi acompanhado pelos membros do TRE.

TRÊ CAUSAS

A juíza Rosemeire Conceição dos Santos, a mesma que pediu vistas ontem e suspendeu o julgamento, abriu divergência em relação ao voto do relator e foi acompanhada por três colegas quanto ao número de inelegibilidades atribuídas a Donadon. Por 4 votos a 2, foram consideradas três as condenações que barram o vilhenense.

SEM DINHEIRO

Na decisão do TRE, Melki fica impedido de usar recursos do fundo partidário e de manter sua campanha nas ruas, no rádio e na TV.

 

Com informações de Folha do Sul

Redação Painel Político
Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Coluna – STF arquiva inquérito contra Raupp, mas prejuízo à imagem é incalculável

Previous article

MP do Saneamento é prorrogada, mas enfrenta resistência no Congresso

Next article

Comments

Participe do debate. Comente!

You may also like