Por salários, vigilantes de hospitais e escolas do DF param atividades

Vigilantes do Distrito Federal cruzaram os braços na manhã desta terça-feira (8) para cobrar os salários atrasados. A paralisação afeta serviços escolas e hospitais. As mobilizações ocorrem em frente aos hospitais do DF.

Segundo o sindicato da categoria, os vencimentos de 3,5 mil profissionais deveriam ter sido depositados até o quinto dia útil do mês, ou seja, na segunda (7).

As empresas alegam que não receberam o repasse do governo. A Secretaria de Saúde informou que aguarda recursos para a realização do pagamento dos prestadores de serviço. “A previsão é de que até a próxima semana a situação seja regularizada”, diz a pasta.

Já a Secretaria de Educação disse que não tem conhecimento de paralisações e que o pagamento aos terceirizados está sendo feito regularmente conforme edital e contrato. “Se houver paralisação, a pasta irá adotar as medidas cabíveis para que ocorra o cumprimento do contrato.”

O salário-base de vigilantes é de R$ 2.454. Além disso, o tíquete alimentação é de R$ 32 por dia.

Fonte: g1/df

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Participe do debate. Deixe seu comentário