Prefeitura “some” com os “cabeças de tapioca”

Fiscalização de trânsito era a principal queixa dos portovelhenses

Em época de eleição qualquer coisa que cause antipatia ao eleitor costuma desaparecer e em Porto Velho não é diferente. A prefeitura “sumiu” com todos os agentes de trânsito, conhecidos como “cabeça de tapioca”, por causa do boné branco.

Há semanas que eles não são avistados nas esquinas, onde ficam multando veículos irregulares. A fiscalização do trânsito é a principal queixa dos motoristas da cidade, principalmente porque as multas sempre são questionadas.

Parece que deram férias coletivas ou colocaram todos no administrativo. Certamente só devem “dar as caras” após as eleições.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta