• Homepage
  • >
  • Internacional
  • >
  • Presidente Venezuelano propõe 25 anos de prisão para quem sair às ruas para ‘expressar ódio’

Presidente Venezuelano propõe 25 anos de prisão para quem sair às ruas para ‘expressar ódio’

Presidente Venezuelano propõe 25 anos de prisão para quem sair às ruas para 'expressar ódio'

O presidente venezuelano, Nicolás Maduro, propôs nesta quinta-feira, 10, a pena de 25 anos de prisão de quem saia às ruas para “expressar o ódio”. No plenário da Assembleia Constituinte, ele entregou suas propostas para a nova Constituição da Venezuela. Em discurso, ele disse querer se encontrar com o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e pediu que o chanceler Jorge Arreaza tente marcar uma reunião com o americano.

Maduro disse que quer relações tão fortes com os EUA como as que ele tem com a Rússia. “Trump, aqui está minha mão”, disse. O discurso ocorre pouco depois de críticas de Caracas ao comportamento de Washington. O governo de Trump chamou o presidente venezuelano de “ditador” e aprovou sanções contra ele e outras autoridades.

Nesta quinta-feira, em ato simbólico, Maduro colocou o cargo à disposição da Assembleia, declarando que a Constituinte tinha “poder soberano”. Por unanimidade, um um gesto também protocolar, os deputados constituintes responderam com a designação de Maduro como “presidente constitucional da Venezuela”.

Fonte: O Estado de S. Paulo

Deixe sua opinião via Facebook abaixo!
Por favor, dê um like em nossa página no Facebook
Placeholder
Anterior «
Próximo »

Deixe uma resposta

Direto de Brasília

Associado da Liga de Defesa da Internet