Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Presos fazem motim no Centro de Ressocialização Cone Sul em Vilhena, RO

Segundo a direção, a intenção dos apenados era provocar uma rebelião em represália as constantes revistas feitas na unidade. Um preso ficou ferido e foi levado para hospital.

0

Treze presos fizeram um motim no Centro de Ressocialização Cone Sul, em Vilhena (RO), a 700 quilômetros de Porto Velho. A confusão aconteceu na quarta-feira (11), mas só foi registrada na quinta-feira (12) na Delegacia de Polícia Civil. Segundo a direção, a intenção dos apenados era provocar uma rebelião em represália as constantes revistas feitas na unidade.

De acordo com a direção, os presos da cela B10 chamaram os agentes penitenciários alegando problemas de saúde. Quando a cela foi aberta para averiguação, os 13 apenados saíram para o corredor carregando colchões, fazendo ameaças e xingamentos.

Os presos teriam colocado fogo em um colchão e, com isso, feito um tumulto dentro do presídio. Os agentes penitenciários, em conjunto com a Polícia Militar (PM), conseguiram controlar a situação. Foi necessário fazer disparos com munição antimotim.

Durante a confusão, um apenado foi agredido por outro de uma facção rival. Ele foi levado para o Hospital Regional, medicado e liberado. Um relatório de segurança está sendo elaborado, e um Processo Administrativo Disciplinar (PAD) deve apurar as responsabilidades dos envolvidos.

Segundo a direção, atualmente, a unidade tem capacidade para 272 presos, mas abriga 334. “Eles queriam ganhar a cadeia em represália contra as revistas que tem tirado todo o material irregular de dentro das celas, mas o motim foi contido e vamos continuar com as varreduras”, enfatiza o diretor da unidade, Nilton Gomes Cordeiro.

Fonte: g1

Comentários
Carregando