Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Professora de Porto Velho pode ir para Marte no projeto MarsOne

0

A Mars One, missão privada que espera levar os primeiros humanos a Marte, anunciou nesta segunda-feira os cem candidatos que passaram pela terceira fase do projeto. Pouco menos da metade destes remanescentes serão reunidos para uma missão a Marte financiada por um reality show na TV, ou assim espera a empresa.

Os concorrentes restantes passarão agora por etapas de seleção que “irão se focar na composição de equipes que aguentem todas as dificuldades de um estabelecimento permanente em Marte”, afirma o projeto. Eles serão treinados em uma cópia da colônia em Marte, e serão testados na sua capacidade de trabalhar em equipe.

Entre os candidatos remanescentes está uma única brasileira, uma professora de 51 anos identificada apenas como Sandra. No texto no site da Mars One, ela se descreve como uma aficionada por aquários de água doce e escritora de ficção científica que mantém atividades extracurriculares em um clube de ciências na escola Major Guapindaia, além de lecionar administração, regulamentação da internet e negócios digitais na Faculdade Porto Velho.

Eventualmente, 40 candidatos serão escolhidos para treinar propriamente para a missão. Eles passarão por um longo processo de oito anos antes que a audiência do reality TV vote pela tripulação final em 2025, que será composta por quatro pessoas.

A missão então espera enviar tripulações de quatro pessoas a cada dois anos, o que significa que eventualmente haverá 40 pessoas no planeta. Os recursos levantados pelo programa na TV ajudarão a pagar pela missão, que tem um custo estimado em 4 bilhões de libras (cerca de R$ 17,5 bilhões).

– O grande corte de candidatos é um importante passo para encontrar quem tem o que é preciso para ir a Marte – disseBas Lansdorp, cofundador e presidente da Mars One, em um comunicado. – Estes candidatos a marcianos darão ao mundo um vislumbre de quem serão os exploradores dos dias modernos.

O projeto publicou uma lista completa dos cem concorrentes restantes em sua página na internet. Eles somam 50 homens e 50 mulheres que passaram pela terceira fase de testes, concluindo com sucesso entrevistas com o médico-chefe da missão. A lista inclui candidatos de alto nível, como Maggie Lieu, um estudante de doutorado em inglês que se tornou uma das mais famosas dos cem candidatos restantes.

Lieu disse que embora ela fosse ficar triste por deixar sua família para trás, o fato de que ela poderia continuar a conversar com ela pela internet seria o suficiente. A tripulação vai passar dez anos junta se preparando para a missão, o que será tempo suficiente para formar uma nova família e fazer novos amigos, considerou.

Perguntada pela “Newsbeat” se gostaria de ter um bebê em Marte, Lieu disse:

– Estou muito aberta à ideia de ter um bebê em Marte. Creio que seria realmente muito excitante ser a mãe do primeiro bebê nascido lá. Meu bebê pode até ser o primeiro marciano, seríamos como o Adão e Eva de Marte. Mas também tenho consciência de que há muitos riscos envolvidos, já que não sabemos quais serão os efeitos da (baixa) gravidade.

Os cem concorrentes foram escolhidos entre os 202.586 candidatos originais. O médico-chefe reduziu o número primeiro para 660 e agora para os cem remanescentes. A lista é composta por 39 pessoas das Américas, 31 da Europa, 16 da Ásia, sete da África e sete da Oceania. Os candidatos não selecionados poderão se inscrever novamente ainda em 2015.

 

Comentários
Carregando