fbpx
Putin não descarta terrorismo em São Petersburgo

Ao menos dez pessoas morreram e dezenas ficaram feridas, segundo a rede CNN.

O presidente russo, Vladimir Putin, que está em São Petersburgo para um encontro com o presidente da Bielorrússia, Alexander Lukashenko, disse que a hipótese de um atentato terrorista na estação de metrô Sennaya Ploshchad, no Centro de São Petersburgo, não está descartada. Segundo o jornal The New York Times, presidente avalia que ainda é cedo para qualquer afirmação e que o governo russo já está apurando as causas junto às autoridades competentes.

A explosão aconteceu na manhã desta segunda e, ao menos, dez pessoas morreram e dezenas ficaram feridas, de acordo com a CNN. São Petersburgo é a segunda maior cidade do país.

Oito ambulâncias foram direcionadas para o local e três estações de metrô foram fechadas. Imagens postadas na conta de Twitter de vários usuários mostram a porta do trem destruída, fumaça e pessoas feridas.

Fonte: veja.com

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta