Quatro menores e homem de 20 são presos por estuprar e filmar menina de 11 anos

Caso aconteceu em Brasilia

A Policia Civil do Distrito Federal investiga a conduta de um homem de 20 anos acusado de “comandar” e filmar o estupro coletivo contra uma menina de 11 anos no Recanto das Emas, no Distrito Federal. O crime aconteceu na última terça-feira (10), e o suspeito foi preso em flagrante após denúncia da mãe da criança. Os atos sexuais forçados teriam sido praticados por quatro menores de idade, que também foram detidos no mesmo dia. A informação é do site G1.

A prisão do homem virou preventiva por decisão do Tribunal de Justiça do DF na última quinta-feira (12), após audiência de custódia. Com isso, ele segue detido e deve ser mantido no Complexo Penitenciário da Papuda até o julgamento. Ao decidir pela prisão preventiva, o juiz afirma que o homem é réu primário e tem “bons antecedentes”, mas que isso não poderia assegurar a liberdade provisória “diante do dantesco cenário”.
“Para agravar ainda mais o contexto, as relações foram filmadas, vilipendiando a imagem da vítima. Nesse sentido, a medida extrema [prisão] se faz necessária para garantir a ordem pública, freando o ímpeto criminoso do autuado”, diz a decisão do Núcleo de Audiências de Custódia.
Segundo a Polícia Civil, a criança passou por exames, tomou medicamentos e está recebendo apoio de psicólogos. Após os procedimentos médicos, a menina voltou para casa, onde mora com a família.
De acordo com o registro policial, a vítima teria ido até o local do crime – uma casa no Recanto das Emas – para fumar narguilé. Ao chegar no local, a criança foi cercada e obrigada a praticar sexo com os quatro adolescentes, com idades entre 13 e 17 anos. O crime foi registrado em vídeo pelo homem de 20 anos, que também é acusado de estuprar a criança.
O homem vai responder pelos crimes de estupro de vulnerável, previsto no Código Penal, e de exploração sexual de menor, descrito no Estatuto da Criança e do Adolescente. Somadas, as penas podem variar de 9 a 19 anos. A conduta dele é investigada pela 27ª Delegacia de Polícia (Recanto das Emas).
Os quatro menores de idade que estavam no local e foram apreendidos em flagrante foram encaminhados à Delegacia da Criança e do Adolescente II, em Taguatinga. Eles vão responder por “ato infracional análogo a estupro”.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta