BelezaDestaqueEstilo de vida

É seguro usar o protetor solar do verão passado?

0
Guido Mieth

Grande parte dos protetores solares tem um prazo de validade de um ano e só uma pequena percentagem tem validade de dois anos depois de aberto

Os protetores solares são o aliado indispensável no verão, mas devemos ter com eles alguns cuidados. Grande parte dos produtos tem um prazo de validade de um ano depois de aberto, embora haja uma pequena percentagem com uma fórmula preparada para durar dois anos. Ainda assim, este limite de utilização é subjetivo, uma vez que é influenciado pelas condições em que é guardado e as temperaturas a que é exposto, principalmente na praia. Tudo isso faz com que, ao longo do tempo, as propriedades do creme se vão perdendo.

Como tal, os especialistas aconselham a que não use o seu protetor do ano passado por questões de segurança. Mas isto não significa que deva desperdiçá-lo. De facto, a comunidade científica recomenda que as pessoas se protejam do sol durante todo o ano, portanto pode continuar a usar o seu creme nos meses que se seguem ao verão.

Pense também em guardá-lo num sítio fresco e seco (a casa de banho não é recomendada devido aos elevados níveis de humidade).

Para ter a certeza de que está devidamente protegida, verifique sempre a validade. Caso não a encontre é possível que esta tenha sido substituída por um símbolo que indica quantos meses pode usá-lo após a abertura.

Fonte: msn

 

Painel Político
Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Medicamento usado em diabéticos pode salvar doentes com fibrose pulmonar

Previous article

Adoçantes artificiais e fertilidade: um novo vilão?

Next article

You may also like

Comments

Leave a reply

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

More in Beleza