fbpx
Secretários de Confúcio administravam página que atacava Expedito no Facebook

Uma decisão proferida pelo Tribunal Regional Eleitoral (TRE) de Rondônia, mais especificamente pelas mãos do juiz auxiliar Sérgio William Domingues Teixeira, na última segunda-feira (11), trouxe à tona mais um episódio embaraçoso envolvendo disputa desleal entre candidatos ao Governo do Estado.
A liminar, concedida após a coligação “Frente Muda Rondônia” mover representação eleitoral contra a rede social Facebook e a página “Mais Rondônia”, determinou sua imediata suspensão na ocasião.
Ela estaria sendo utilizada até então para patrocinar ataques a Expedito Júnior (PSDB), candidato ao Palácio Presidente Vargas, além de promover atos do atual Governo de Rondônia, exaltando as atuações de Confúcio Moura (PMDB), que busca a reeleição no pleito .
A rede social foi intimada a cumprir a determinação no prazo de seis horas, sob pena de incorrer na prática de crime de desobediência eleitoral, além de poder arcar com multa cujos valores poderiam variar entre duzentos e dez mil reais. A página já está fora do ar.
Quem administrava a página ‘Mais Rondônia’
O próprio juiz eleitoral surpreendeu antes de tomar sua decisão, ao revelar que o Facebook indicou os nomes dos responsáveis pela página que fazia ataques a Expedito e ao mesmo tempo exaltava Confúcio.
“ …o representado Facebook indicou que os responsáveis pela página com o perfil nomeado de “Mais Rondônia” são os senhores Augusto Branco, José Martins Coelho; Hercules Guirion; Cibele dos Santos; Emerson Castro; Aroldo Vasconcelos; Jerry Fiusa; Gabriela Mourão; Nazareno Vieira de Souza e Leo Lage”, mencionou Sérgio William.
Emerson Castro é o atual secretário de Educação do Estado de Rondônia, membro oficial do “Governo da Cooperação”, capitaneado por Confúcio Moura.
José Martins Coelho é ex-secretário de Assuntos Estratégicos. Antes, ocupou cargo no gabinete do governador.

Fonte: Rondônia Dinâmica

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta