Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Seduc diz que diretores mentem e que não estão ocorrendo assaltos às escolas

0
ESC PAULO NUNES 2
Escola Paulo Nunes Leal
Foto: Willian do Tempo

A Secretaria Estadual de Educação (Seduc) informou nesta manhã, quarta-feira (13), que as denuncias e informações sobre os roubos nas escolas não procede. De acordo com informações prestadas pela assessoria, o número de assaltos ocorridos nas escolas não são freqüentes e que a Seduc irá reparar os danos materiais causados.

A assessoria ainda informa que a Secretaria irá providenciar juntamente com a Coordenação Regional uma avaliação para que haja algum posicionamento a respeito. Quando questionado o retorno dos agentes de vigilância nas escolas, a SEDUC esclarece que não há possibilidades de contratação, somente reparos nos danos ocasionados.

Somente neste final de semana até na madrugada desta quarta-feira, cinco escolas foram assaltadas. Todas localizadas na Zona Leste de Porto Velho.

Escolas Assaltadas

ESC SAO FRANCISCO3
Escola São Francisco de Assis
Foto: Willian do Tempo

A Escola Jânio Quadros, localizado no bairro Mariana, foi assaltada na madrugada de domingo (10), onde os assaltantes levaram diversos objetos. A Escola Jorge Teixeira, localizada no bairro Ulisses Guimarães, também foi assaltada no domingo, onde foi subtraído da escola monitores, computadores, caixas de microfone, Hd’s e até o sistema de monitoramento das câmeras instalado recentemente. O valor das perdas não foi ainda contabilizado.

Na segunda-feira (11), a escola Paulo Nunes Leal também foi roubada. As informações da direção da escola foi que os assaltantes roubaram um valor aproximado R$ 600, dois monitores, botijão de gás e o HD com o sistema das câmeras.

Na madrugada desta quarta-feira (13), mais duas escolas foram assaltadas. A escola São Francisco de Assis, localizada no bairro Ulysses Guimarães e a Escola Capitão Cláudio, localizada no bairro Cidade do Lobo. A equipe do Painel Político não conseguiu falar com a direção das escolas sobre os danos.

Contratação

O Governo do Estado cancelou os contratos com três empresas de vigilância nas escolas estaduais. No total 2.500 agentes deixaram de monitorar as escolas desde 30 de Outubro.

 

Veja outras fotos:

ESC SAO FRANCISCO4
Escola São Francisco de Assis
Foto: Willian do Tempo

 

 

 

 

 

 

 

 

ESC SAO FRANCISCO2
Escola São Francisco de Assis
Foto: Willian do Tempo
ESC SAO FRANCISCO
Escola São Francisco de Assis
Foto: Willian do Tempo

 

 

 

 

 

 

 

 

ESC PAULO NUNES
Escola Paulo Nunes Leal
Foto: Willian do Tempo

 

Comentários
Carregando