Seis sinais que indicam que alguém tem inveja do seu relacionamento

Sentir inveja faz parte da natureza humana. Mas há inveja “boa” e inveja “má”. Uma implica ficar feliz pelos outros, mas sentir uma pontinha de inveja porque também queríamos algo semelhante para nós. A outra pode até implicar ações para prejudicar a felicidade dos outros.

Para ajudar a distinguir esses tipos de inveja, a edição norte-americana da revista Cosmopolitan listou alguns sinais que indicam quando alguém está com inveja do seu relacionamento amoroso:

1. Estar sempre dizendo como vocês são “fofinhos”, mas só nas redes sociais. Isso mostra que as suas publicações estão incomodando.

2. Dizer ter ouvido coisas que podem atrapalhar a relação. Se alguém tenta plantar a discórdia e o ciúme entre o casal, sem qualquer razão de ser, então essa pessoa não está nada satisfeita com a felicidade de vocês.

3. Aquele amigo que está sempre tentando separar vocês. É normal quererem passar algum tempo só com os amigos e separados, mas se o seu namorado tem aquele amigo que está sempre fazendo com que ele saia sem você e lhe coloque ideias erradas na cabeça a seu respeito, cuidado.

4. Não são convidados para os “jantares de casais”. Esse pode ser um sinal de que vocês são chatos e de que os outros casais não os suportam, mas se não é o caso, pode indicar que os outros casais não lidam bem com a felicidade que vocês transmitem.

5. Amigos ou colegas que o odeiam falar sobre a sua relação. Se mesmo quando precisa de conselhos, eles tendem a ignorar, então pode indicar que eles não consideram os seus problemas reais mas sim “dramas de casal perfeito”.

6. Se dizem “tenho inveja boa do seu relacionamento”. Apesar da tentativa para disfarçar, essas pessoas não podiam ser mais diretas.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta