fbpx
Servidores da Assembleia fazem ato no Dia Mundial contra a Aids

Servidores do Centro Médico da Assembleia Legislativa comemoram neste 1º de dezembro o Dia Mundial de Luta Contra a Aids, com a distribuição de camisinhas, folhetos e lacinhos vermelhos, tradicional símbolo da campanha. O vice-presidente da Casa, deputado Maurão de Carvalho recebeu a comissão, composta também de servidores vinculados ao Sindicatos dos Trabalhadores do Legislativo, na sala de reuniões da Presidência e elogiou a dedicação da equipe na divulgação da campanha de prevenção.

Maurão lembrou que a chegada de novas terapias tornou o tratamento mais eficiente, por salientou que, “apesar dos novos e modernos medicamentos, ainda morre-se de Aids”. No último domingo, o doutor Dráuzio Varella explicou, no Fantástico, porque a Aids voltou a assustar tanto e a preocupar tanto. “Houve um aumento absurdo dos casos de Aids entre os jovens nos últimos anos. Neste sentido, nós no Brasil estamos indo na contramão de outros países”, afirmou.

De acordo com o “Boletim Epidemiológico HIV-Aids”, do Departamento de DST e Aids do Ministério da Saúde de 2013, estima-se que aproximadamente 718 mil indivíduos vivam com o HIV/AIDS no Brasil.

O Ministério da Saúde lançou na quinta-feira, durante a abertura da 14ª Conferência Nacional de Saúde, a campanha do Dia Mundial de Luta Contra a Aids, cujo slogan é “A AIDS não tem preconceito. Previna-se”. A proposta é estimular a reflexão sobre uma sociedade menos preconceituosa, mais solidária e tolerante à diversidade sexual e às pessoas vivendo com Aids.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta