fbpx
STF pode determinar prisão de Cassol dia 31 de março

Essa é a data que está marcado o julgamento no STF do último recurso; Se ele sair, assume seu pai, Reditário

O Supremo Tribunal Federal (STF) pautou para o próximo dia 31 de março o julgamento dos últimos recursos apresentados pelo senador Ivo Cassol (PP-RO) e pode decretar, na mesma data, a prisão do parlamentar em pleno exercício do mandato.

Cassol foi condenado pelo Supremo em 2013 a quatro anos, oito meses e 26 dias de prisão, em regime semiaberto, pelo crime de fraude em licitações. Entretanto, apresentações de sucessivos recursos impediram que o STF determinasse a execução da sentença.

No julgamento, o STF considerou que Cassol teve participação direta na fraude de doze processos licitatórios realizados pela prefeitura de Rolim de Moura (RO).

Se Cassol for preso, ele perde o mandato e em seu lugar assume Reditário Cassol, seu pai que moram em Rolim de Moura.

Com informações de Veja

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta