fbpx
Tá explicado, Temer liberou R$ 6,6 milhões em emendas a deputado da tatuagem

O deputado federal paraense Wladimir Costa (SD), que tatuou o nome do presidente Michel Temer (PMDB) no ombro, recebeu quase R$ 7 milhões de reais em emendas, segundo a ferramenta de controle Contas Abertas.

De acordo com o0 jornal O Globo, “deste valor, 6,6 milhões de reais foram liberados pelo governo apenas nos últimos dois meses”.

Wladimir Costa já foi afastado do cargo pelo TRE por caixa dois e é acusado pela Procuradoria Geral da República de receber dinheiro de servidores fantasmas. O deputado nega.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta