Jovem é preso após espancar a mãe e atacar PMs com uma picareta em RO

Jovem é preso após espancar a mãe e atacar PMs com uma picareta em RO

On : --

Um jovem de 20 anos foi preso após espancar a própria mãe com empurrões, tapas e socos e atacar a guarnição da Polícia Militar (PM) com uma picareta durante as comemorações de Natal na última segunda-feira (25) em Guajará-Mirim (RO), a 330 quilômetros de Porto Velho. O crime aconteceu na residência da mãe do suspeito, situada no Bairro Jardim das Esmeraldas.

MPF recomenda que Seduc contrate 20 professores indígenas em Guajará, RO

MPF recomenda que Seduc contrate 20 professores indígenas em Guajará, RO

On : --

O Ministério Público Federal (MPF) recomendou, nesta semana, que a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) e a Coordenadoria Regional de Educação (CRE) preencham o quadro de vagas de 20 professores indígenas nas aldeias de Guajará-Mirim (RO), município localizado na fronteira com a Bolívia, a cerca de 330 quilômetros de Porto Velho. A Seduc tem dez dias para responder a recomendação emitida pelo MPF.

Preço de combustíveis é alvo de investigação do Procon em Guajará e Nova Mamoré, RO

Preço de combustíveis é alvo de investigação do Procon em Guajará e Nova Mamoré, RO

On : --

O Programa de Proteção e Defesa do Consumidor (Procon) iniciou nesta semana uma operação para investigar os preços cobrados nos postos de combustíveis de Guajará-Mirim e Nova Mamoré (RO), cidades vizinhas localizadas a mais de 300 quilômetros de Porto Velho. O foco das fiscalizações está nos preços da gasolina e do óleo diesel, mas também nos serviços oferecidos pelos estabelecimentos.

Vigilante mata a ex-sogra, confessa crime em rede social e se entrega em RO

Vigilante mata a ex-sogra, confessa crime em rede social e se entrega em RO

On : --

A dona de casa Ana Maria Carvalho Rodrigues, de 63 anos, foi morta com um tiro no rosto à queima roupa no começo da noite da última quarta-feira (13) na frente de sua própria residência situada no Bairro Almirante Tamandaré em Guajará-Mirim (RO), a 330 quilômetros de Porto Velho. O ex-genro da vítima confessou o crime através de uma postagem em uma rede social e se entregou à Polícia Civil algumas horas após o homicídio.