Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Tiger Woods decide se afastar de torneios até recuperar forma

0

Abalado pelos resultados ruins dos últimos tempos, Tiger Woods resolveu se afastar temporariamente do golfe. Ex-número 1 do mundo, o americano de 39 anos ocupa atualmente apenas a 62ª posição do ranking. Ao comunicar sua decisão, o jogador disse que só pretende voltar quando tiver recuperado a boa forma.

Neste momento, eu preciso treinar bastante o meu jogo, além de passar mais tempo com as pessoas que são importantes para mim. Meu jogo e minhas pontuações não estão em um nível aceitável para os torneios. Quero entrar em um torneio para competir no mais alto nível e vou voltar quando achar que estiver pronto para isso – afirmou o golfista.

Um dos atletas mais ricos do mundo, com faturamento de 1 bilhão e 300 milhões de dólares ao longo da carreira, Woods se retirou no meio de um torneio em San Diego, Califórnia, na semana passada, após jogar apenas 11 buracos na primeira rodada. O americano atribuiu o abandono às constantes dores nas costas. Uma semana antes, ele não havia conseguido se classificar para a final do Aberto de Phoenix.

No ano passado, Tiger precisou passar por uma cirurgia para correção de uma hérnia de disco. A reabilitação se estendeu por quatro meses e, desde que retornou aos campos, o golfista não tem obtido resultados expressivos. O próximo compromisso seria um torneio em Palm Beach, Flórida, a partir do próximo dia 26. Mas, apesar da vontade de disputar a competição, que ocorre na cidade onde mora, o atleta afirma que só marcará presença se conseguir resgatar a confiança em si mesmo.

Eu adoraria jogar em Palm Beach. É um torneio na minha cidade e é importante para mim. Mas eu não vou estar lá, a menos que meu jogo esteja pronto. Isso não é justo para ninguém. Mas eu espero estar jogando de novo muito em breve – comentou.

Dono de 14 títulos mundiais, Tiger Woods foi apontado como melhor jogador do mundo por 11 vezes entre os anos de 1997 e 2013. Nos últimos tempos, no entanto, as atenções do esporte estão voltadas para o britânico Rory Mcllroy, atual número 1 do mundo. Se os Jogos do Rio de Janeiro, que marcam o retorno do golfe ao calendário olímpico, fossem disputados hoje, Woods não estaria classificado para brigar pela medalha de ouro.

Comentários
Carregando