fbpx
Universitária é morta a facadas dentro de condomínio e ex-namorado é o principal suspeito

Aluna da UEPG não resistiu às lesões provocadas pelas facadas; irmão dela também foi esfaqueado e foi levado em estado grave ao hospital

Um crime bárbaro chocou moradores de um condomínio na rua Vicente Espósito, no bairro de Uvaranas, em Ponta Grossa,  logo nas primeiras horas da manhã desta sexta-feira (6). Nathalia Deen, de 22 anos, foi morta a facadas e o irmão dela também sofreu lesões graves. O principal suspeito do crime seria o ex-namorado da moça, que foi encontrado pouco tempo depois.

Equipes da Polícia Militar, Samu, Corpo de Bombeiros, Polícia Civil, Científica e Instituto Médico Legal (IML) foram mobilizados até o local do crime e confirmaram a morte da jovem estudante de Agronomia, na Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG). O rapaz foi levado a um hospital da cidade pelos socorristas.

O suspeito de cometer o crime foi encontrado pouco tempo depois, segundo a Polícia Civil, no campus Uvaranas da UEPG. De acordo com a Polícia Militar, ele foi visto entrando no condomínio por volta das 6h e deixou o local a pé. A arma usada no crime foi deixada dentro do apartamento. Como as testemunhas não tinham condições de prestar depoimento, ainda não há informações sobre o que ocorreu dentro do apartamento.

Minutos após o crime, vigilantes da UEPG viram o suspeito quebrando uma janela e utilizando o vidro para cortar os pulsos, na tentativa de tirar a própria vida. A PM foi acionada e encontrou o rapaz inconsciente no local. Ele foi atendido por equipes do Samu e do Corpo de Bombeiros e foi encaminhado a uma casa hospitalar da cidade, onde permanece internado sob escolta policial.

Ainda não se tem informações do que teria gerado essa discussão e os golpes de faca. Os jovens são filhos do casal Suzana Michalski Deen e Tony Deen, família tradicional da Colônia Castrolanda, no município de Castro.

Com informações do Portal aRede

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta