Urgente: Café Madeira desaba com a chuva

In Cotidiano, Destaque
Espalhe essa informação

O prédio do Café Madeira (antigo Mirante I) desmoronou na noite desta segunda-feira com a forte chuva que caiu sobre Porto Velho. O prédio estava interditado desde janeiro deste ano e seria demolido. A defesa civil aguardava a elaboração de laudos técnicos da própria prefeitura e do Corpo de Bombeiros.

A edificação de dois pisos onde funcionava o Café Madeira fica bem em cima de uma galeria pluvial. O chefe da Divisão de Minimização de Desastres da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil de Porto Velho, Natanael Castro Moura, informa que esta galeria foi construída com quadros encaixados e o quadro que ficava em contato com o rio foi derrubado pelos banzeiros. Com isso, a água drenada da chuva passou a se infiltrar nas paredes, aumentando a erosão e danificando ainda mais a galeria.

Além do Café Madeira, o Mirante III também foi interditado no início deste ano porque corre risco de desabamento. No local está construída uma igreja e um restaurante, que está proibido de funcionar. De acordo com a Defesa Civil, neste e outros pontos da margem do Madeira do centro da cidade de Porto Velho, o barranco está estabilizado. A prefeitura está negociando um recurso junto à Santo Antônio Energia para estender até a ponte do Madeira, a proteção de pedras (enrocamento) feito na margem do rio desde a usina até o bairro Triângulo. Também está prevista a medida de contenção na margem esquerda do rio, na frente da comunidade de São Sebastião. O trabalho poderá ser custeado pela Santo Antônio Energia, com uma contrapartida da prefeitura, segundo o coordenador da Defesa Civil Municipal, coronel Pimentel.

Deixe sua opinião via Facebook abaixo!

You may also read!

Goleiro Bruno se entrega à polícia antes de receber voz de prisão

Goleiro Bruno se entrega à polícia antes de receber voz de prisão

Espalhe essa informação Como a delegacia ainda não havia sido informada da decisão do STF, o jogador do Boa

Read More...
Pai leva interno foragido de volta para Fundação Casa de Ferraz, em SP

Pai leva interno foragido de volta para Fundação Casa de Ferraz, em SP

Espalhe essa informação De acordo com a fundação, 17 internos fugiram no último domingo (23); dois voltaram para a

Read More...
Travesti morre em São Carlos, SP, após complicações devido ao uso de silicone

Travesti morre em São Carlos, SP, após complicações devido ao uso de silicone

Espalhe essa informação Veronica Rios tinha 35 anos estava internada há 12 dias na UTI da Santa Casa. Ela

Read More...

Deixe uma resposta

Mobile Sliding Menu