CotidianoDestaque

Urgente: Café Madeira desaba com a chuva

O prédio do Café Madeira (antigo Mirante I) desmoronou na noite desta segunda-feira com a forte chuva que caiu sobre Porto Velho. O prédio estava interditado desde janeiro deste ano e seria demolido. A defesa civil aguardava a elaboração de laudos técnicos da própria prefeitura e do Corpo de Bombeiros.

A edificação de dois pisos onde funcionava o Café Madeira fica bem em cima de uma galeria pluvial. O chefe da Divisão de Minimização de Desastres da Coordenadoria Municipal de Defesa Civil de Porto Velho, Natanael Castro Moura, informa que esta galeria foi construída com quadros encaixados e o quadro que ficava em contato com o rio foi derrubado pelos banzeiros. Com isso, a água drenada da chuva passou a se infiltrar nas paredes, aumentando a erosão e danificando ainda mais a galeria.

Além do Café Madeira, o Mirante III também foi interditado no início deste ano porque corre risco de desabamento. No local está construída uma igreja e um restaurante, que está proibido de funcionar. De acordo com a Defesa Civil, neste e outros pontos da margem do Madeira do centro da cidade de Porto Velho, o barranco está estabilizado. A prefeitura está negociando um recurso junto à Santo Antônio Energia para estender até a ponte do Madeira, a proteção de pedras (enrocamento) feito na margem do rio desde a usina até o bairro Triângulo. Também está prevista a medida de contenção na margem esquerda do rio, na frente da comunidade de São Sebastião. O trabalho poderá ser custeado pela Santo Antônio Energia, com uma contrapartida da prefeitura, segundo o coordenador da Defesa Civil Municipal, coronel Pimentel.

Deixe sua opinião via Facebook abaixo!
Next article Advogados de Rondônia terão primeiro anuário
Previous article Na contagem do TSE, faltam 50 mil apoios para a Rede

Related posts

0 Comentários

Seja o primeiro a comentar esta notícia!

Você pode ser o primeiro a comentar esta postagem postar comentário!

Deixe seu comentário

Deixe uma resposta