URGENTE: Governo federal negou pedido de Roraima para intervir no sistema prisional

In Notas

Ministro disse que “força nacional encontra-se em fase de preparação de enfrentamentos de homicídios e violência doméstica

Documentos mostram que, ao contrário do que houve no Amazonas, o governo de Roraima não só informou como pediu ajuda ao governo federal para intervir no sistema prisional do Estado, que vive em constante clima de tensão por conta da rivalidade entre facções criminosas, antes do massacre concretizado na madrugada desta sexta-feira, na Penitenciária Agrícola de Monte Cristo.

No dia 24 de novembro do ano passado, a governadora Suely Campos enviou ofício ao ministro da Justiça, Alexandre de Morais, solicitando apoio do governo federal para atuar no sistema prisional de Roraima, em caráter de urgência, incluindo reforço da Força Nacional de Segurança.
Em resposta ao pedido de socorro, o ministro informou, através de ofício, que “apesar do reconhecimento da importância do pedido de Vossa Excelência, infelizmente, por ora, não poderemos atender ao seu pleito”.
No documento, o ministro disse que “a Força Nacional de Segurança Pública encontra-se em fase de preparação para operação de enfrentamento de homicídios e violência doméstica, cujo plano está em desenvolvimento neste Ministério, destiando, a piori, a atuação nas capitais dos 26 estados e no Distrito Federal”.

Deixe sua opinião via Facebook abaixo!

You may also read!

Mulher é retirada de voo da Latam por embarcar com cachorro em bagagem de mão

Espalhe essa informação Tripulação flagrou a irregularidade antes da decolagem. Incidente causou atraso de 40 minutos Uma passageira foi

Read More...

As páginas do Facebook que usam fotos de crianças doentes para ganhar cliques – e dinheiro

Espalhe essa informação O Facebook deletou duas contas que usavam fotografias de uma criança doente sem autorização da família

Read More...

VX, a poderosa arma química que matou o norte-coreano Kim Jong-nam; conheça e assista o ataque

Espalhe essa informação O produto foi declarado pela ONU como uma arma de destruição em massa Autoridades da Malásia

Read More...

Deixe uma resposta

Mobile Sliding Menu