Painel Político
A maior agência de notícias em seu Whatsapp do Brasil

Veja quais são os 10 medos sexuais que mais assombram

0

Pesquisa pediu para 2000 pessoas da Europa e dos Estados Unidos rankearem de 1 a 10 seus maiores medos na cama

Transar é uma delícia — e isso é inegável. O sexo ocupa uma parte bastante importante de nossas vidas. Eu sei disso, você sabe disso, todo mundo sabe disso.

E essa importância tão grande acabou gerando, além do prazer, medos. Pois é, a transa é um momento que pode trazer tanto prazeres indescritíveis quanto temores assombrosos e bastante comuns.

É o medo de não dar conta do recado, da camisinha furar, de pegar alguma doença, de ser inexperiente…

Quem ainda não passou por isso, provavelmente passará. Não que eu esteja querendo zicar sua vida sexual — é apenas um aviso para conscientização. Ou então uma simples constatação.

Um estudo recente realizado pela farmácia digital Superdrug Online Doctor revelou quais são os medos mais comuns de homens e mulheres quando o assunto é sexo. A pesquisa pediu para 2000 pessoas da Europa e dos Estados Unidos rankearem de 1 a 10 seus maiores medos na cama.

Eis o resultado de acordo com a pontuação média:

#10 Seus pelos corporais são broxantes — 4.0

#9 Seu parceiro vai achar que você é inexperiente —  4.1

#8 Seu parceiro vai querer fazer algo que você não se sente confortável — 4.3

#7 Algo embaraçoso em seu corpo vai acontecer durante o sexo — 4.3

#6 Vai ser estranho depois do sexo — 4.4

#5 Você é ruim de cama — 4.8

#4 Seu parceiro não vai ter um orgasmo ou ficar satisfeito — 5.3

#3 Seu parceiro vai achar estranho o seu corpo despido — 5.5

#2 A camisinha vai falhar e vai rolar uma gravidez indesejada — 6.0

#1 Seu parceiro tem uma DST — 6.9

sexo1

Curioso perceber que medos relacionados ao comportamento não ficou no topo da lista, e sim questão de saúde e planejamento.

Curioso perceber também como o pelo é algo que gera desconforto para ambos os sexos. O medo #10 demonstra que as pessoas acham que cabelos em excesso não são legais. Equando comparado com outras inseguranças corporais, os pelos só perdem para o receio do pinto pequeno.

Discriminando os resultados entre homens e mulheres, percebe-se diferença nos temores. Enquanto nós estamos mais preocupados em não contrair doenças, elas estão encanadas com o fato do parceiro não querer usar camisinha.

E a questão da ejaculação precoce, que não aparece na lista geral, aparece no ranking masculino e muito bem posicionada: 4º lugar! Ah, e a broxada também: 6º lugar.

sexo2

E aí, faz sentido tudo isso?

Por Thiago Sievers – El Hombre

Comentários
Carregando