Vereador, procurador da Câmara e atual presidente da ALE vão responder por improbidade

Marcelo Reis, Wanderley Mariano e Marcelino Mariano teriam desviados recursos de publicidade da Câmara na gestão de Hermínio Coelho

[su_frame align=”right”] [/su_frame]Porto Velho – O Ministério Público de Rondônia instaurou procedimento investigatório criminal para apurar supostos desvios de recursos da publicidade da Câmara de Vereadores de Porto Velho pelo vereador Marcelo Reis para uma empresa que na época pertencia a familiares do procurador da Câmara, Marcelino Mariano. Em reportagem divulgada em agosto de 2009, os jornalistas Alan Alex (Painel Político) e Paulo Andreoli (Rondoniaovivo), comprovaram que a empresa W.M. Publicidade e Serviços Ltda recebeu toda a verba publicitária da Câmara e não fez a devida divulgação.

Na época, Marcelo Reis era líder do prefeito na Câmara de Vereadores, e Hermínio Coelho presidente da Casa. Por esse motivo, ele também figura no rol dos investigados. O Ministério Público apura se ele, que atualmente é presidente da Assembleia Legislativa, foi conivente com as irregularidades apontadas.

A instauração do processo foi protocolada nos autos com o numero 2014001010023655, publicada este mês.

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta