fbpx
Vereadora é expulsa por levar filho de 7 meses à assembleia no Japão

Uma vereadora japonesa que levou o bebê para uma assembleia municipal para denunciar as dificuldades que as mulheres enfrentam no trabalho provocou uma grande controvérsia no país depois que foi expulsa da câmara.

Yuka Ogata levou o filho de sete meses a uma sessão do conselho municipal de Kumamoto, sul do Japão, na quarta-feira, mas os outros integrantes da assembleia exigiram que deixasse o local, segundo a imprensa local. 

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta