Vestidos com jalecos, dupla invade UTI de hospital no AP e tenta matar paciente com substância

Dois homens vestidos com jalecos invadiram a Unidade de Terapia Intensiva (UTI) do Hospital de Emergências de Macapá, na madrugada desta quarta-feira (21), e tentaram matar um paciente, de 65 anos, aplicando remédio com uso de seringas, informou a Polícia Militar (PM) do Amapá. A dupla, que estaria com uma arma de fogo, não foi identificada até esta publicação.

O caso ocorreu por volta das 3h, segundo funcionários do hospital, que perceberam os dois homens entrando pelo portão lateral, destinado somente para os servidores da instituição. A dupla entrou na UTI, ameaçou os funcionários com a arma de fogo e seguiu para a maca do paciente, aplicando uma substância não identificada, que estava em duas seringas, na cânula endotraqueal de entubação, que possibilita a respiração do paciente. Eles fugiram em seguida.

O paciente está internado desde o dia 13 de junho, após levar um tiro de arma de fogo no município de Porto Grande, a 102 quilômetros da capital, segundo a polícia. A substância foi retirada do tubo que estava na vítima, que não apresentou nenhum sintoma e o estado de saúde é estável.

A polícia suspeita de tentativa de homicídio e apurou com as testemunhas poucas características dos criminosos, uma delas é que um dos envolvidos é gordo e alto.

Não há informações de qual suspeito aplicou a substância com as seringas e nem se a dupla estava usando algum veículo. Policiais investigam o que motivou o crime. Equipes fizeram buscas na região, mas nenhum dos suspeitos foi encontrado.

A Secretaria de Estado da Saúde (Sesa) deve se pronunciar ainda nesta quarta-feira.

Fonte: g1/ap

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta