fbpx
Vídeo de atriz pornô sendo atacada por tubarão é falso, diz mergulhador

Você com certeza viu o vídeo, que está bombando na web há alguns dias, de uma atriz pornô sendo atacada por um tubarão. O realismo é tão grande que dificilmente alguém desconfiou da veracidade das imagens. Agora a atriz pornô Molly Cavalli e a empresa que produziu o vídeo são acusados de forjarem o vídeo para tornar a atriz conhecida em todo o mundo.

Bryce Roherer, dono da empresa Florida Shark Diving, revelou à CBS que entraram em contato com ele há cerca de dois meses atrás. Ele afirmou a emissora americana que os produtores queriam fazer um mergulho com tubarões e fingirem que a jovem era mordida para o vídeo viralizar.

“Imediatamente disse não iríamos fazer. Somos uma empresa a favor da vida animal. Queremos mostrar a importância destes animais no ecossistema, não fazer deles vilões”, disse Roherer à CBS. Molly Cavalli e a produtora acabaram contratando outra empresa.

Roherer afirmou que a atriz enviou uma mensagem entregando a “trama” falsa. “Só queria mostrar como vai ficar a ferida. Sabemos que vocês gostam de tubarões e eu não quero que as pessoas tenham uma imagem negativa deles. Só queria mostrar que não é uma mordida enorme e agressiva, se é que faz alguma diferença”, escreveu Molly na mensagem.

A produtora de filmes adultos para qual a atriz trabalha, disse que Molly teve que levar 20 pontos no local da suposta mordida de tubarão. No entanto, um biólogo especialista em mordidas de tubarões contou a emissora americana CBS que a ferida não podia ser mais falsa. “Aquilo não é uma mordida de tubarão. Me parece mais trabalho de uma equipe de maquiagem do que outra coisa. Com toda a certeza não é a marca de um ataque de tubarão”, afirmou o especialista.

De acordo com a emissora, foi feito tentativas de contato com a atriz de filmes adultos e sua produtora. Ambos não quiserem comentar o assunto.

Veja o vídeo:

Fonte: uol.com

 

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta