WhatsApp começa a abandonar celulares antigos; veja a lista completa

Desde 2016, o WhatsApp está prometendo um expurgo. O aplicativo, que está entre os mais populares do planeta, está abandonando celulares e sistemas operacionais antigos, o que significa que o suporte será encerrado e que o serviço deve parar de funcionar a qualquer momento em tais aparelhos.

A empresa foi até mais leniente do que o previsto, esticando o prazo para vários sistemas que já estão legitimamente defasados e usados por poucas pessoas. No entanto, tudo indica que neste 30 de junho será registrada mais uma baixa: o Symbian S60, usado em celulares da Nokia na era pré-Windows Phone

Segundo o FAQ do WhatsApp, outros sistemas que inicialmente deveriam ser abandonados junto do S60 tiveram seu suporte prolongado. Assim, a antiga plataforma da Nokia é a única a se juntar a versões do Android anteriores à 2.2, a versões anteriores ao iOS 6 e Windows Phone 7.

A empresa, no entanto, apesar de prolongar prazos, ainda estabelece uma data limite para vários sistemas operacionais defasados. Além do S60, o WhatsApp também pretende abandonar as seguintes plataformas:

BlackBerry OS e BlackBerry 10 após 31 de dezembro de 2017
Windows Phone 8.0 e anteriores após 31 de dezembro de 2017
Nokia S40 após 31 de dezembro de 2018
Android 2.3.7 e anteriores após 1º de fevereiro de 2020

Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Deixe uma resposta