Como cuidar da higiene bucal de seu animal

Fale com qualquer dono de animal e ele vai jurar que seu bichinho sorri para ele. Pergunte ao mesmo dono o que ele faz para preservar esse sorriso e a resposta pode ser, “mantenho meu bichinho feliz!” Embora isso possa levar a um sorriso bonito, não é o fator principal. Então como manter os sorrisos dos nossos bichinhos brilhando? Limpando os dentes deles, é claro!

 Embora o hálito dos cães possa não ser um dos assuntos mais agradáveis, é importante manter a boca dos nossos animais limpa. Um dos primeiros sinais de problema ou doença dentária é o mal hálito e é incrível a quantidade de donos que culpa o tipo de carne que seu bichinho anda comendo. De fato, em uma nova pesquisa feita pela agência Gallup, descobriu-se que 65% dos donos acredita que seus animais de estimação sorriem e entendem o quanto é importante cuidar corretamente dos dentes de seu animal, mas eles ainda não encontraram tempo para escovar os dentes deles. Um em cada cinco donos não escova os dentes de seu bichinho embora saiba que a falta de cuidado com os dentes pode ser fatal.

Cuidar bem dos dentes do seu bichinho não é bom apenas para ele, você também pode tirar conforto do fato de, sendo um dono responsável e cuidando das necessidades dentárias do seu bichinho, estar prevenindo doenças que podem ameaçar a vida dele. Você não deixaria seu próprio dente apodrecer, deixaria? Bom, isso não é diferente em se tratando de um animal. Como ocorre em dentes humanos, o desenvolvimento de placa dá início a um processo que pode terminar em uma séria doença peridontal ou pior. A placa é um filme constituído principalmente por bactérias que se formam continuamente nos dentes. Embora seja um processo natural, quando a placa bacteriana entra embaixo das gengivas, pode destruir este tecido. O mau hálito do seu bicho de estimação pode ser o resultado da destruição desse tecido.

A saliva do animal reagindo com a placa forma tártaro, causando gengivas inflamadas e gengivite. Deixada sem tratamento, a gengivite pode levar a uma doença peridontal ou à destruição dos tecidos ao redor que suportam os dentes. Cães com doenças peridontais podem sentir dor, ter sangramento, gengivas retraí­das, corroí­das ou soltas, dentes quebrados ou infeccionados. Ou pior: estas bactérias podem entrar na corrente sangüí­nea e percorrer o corpo deles, causando infecções nos rins, fígado e coração. De acordo com a Sociedade Veterinária Odontológica Européia, sem os cuidados apropriados 80% dos cães mostram sinais de doenças orais aos três anos de idade. Na verdade, doenças orais são as mais comuns em animais de estimação.

Então, como evitar? Prevenindo a formação da placa e do tártaro em primeiro lugar. Comece marcando uma consulta com o veterinário e caso seja necessário, faça uma boa limpeza dentária. Veterinários recomendam também cuidados regulares em casa. Clínicas e pet shops vendem muitas variedades de escovas e pastas de dente desenvolvidas especialmente para animais. Resultados com cuidados dentários são mais do que comprovados. Reduzindo o risco de doenças peridontais, seu bichinho viverá mais. E mantendo o hálito fresco, serão ainda mais agradáveis de se ter por perto.

Fonte: Pedigree.com

Comandante da PM de Buritis esclarece conflito que resultou em morte de policial

O Comandante da Polícia Militar do Município de Buritis relatou sobre o confronto ocorrido entre policiais da Força Nacional e moradores do distrito de Rio Pardo, distrito de Porto Velho, que ocasionou a morte de um policial identificado como Luis Pedro de Sousa Gomes.

Segundo o Comandante, os manifestantes quebraram um prédio em construção da Polícia Militar, queimaram pontes e cercaram os policiais que tentaram conter o tumulto. “A Força Nacional tinha uma missão de verificar a possibilidade de policiais ainda como reféns, porém uma parte agressiva dos manifestantes rendeu a guarnição e alvejou um policial”, disse o Comandante.

Após a informação de um policial baleado, guarnições policiais de municípios próximos foram encaminhadas para o distrito. “Os policiais tentaram resgatar o policial baleado, mas os manifestantes partiram contra a vida dos demais policiais. Depois de algum tempo, conseguimos retirar os policiais cercados, mesmo com troca de fogo entre a polícia e os manifestantes. Retiramos o policial baleado que foi levado ao hospital do município de Candeias do Jamari, mas infelizmente ele não chegou com vida ao hospital”, afirmou o Comandante.

O Comandante também não descarta a possibilidade de haver outras pessoas baleadas devido à intensidade do confronto, porém, viaturas continuam realizando rondas por toda a região.

Veja o vídeo:

Com informações do Rondoniaovivo

Semed irá realizar a Chamada Escolar até dezembro

A Secretaria Municipal de Educação (Semed) já está realizando as rematrículas dos alunos pertencentes à Rede Municipal de Ensino. Espera-se que até ao final do mês de dezembro essa parte relativa à chamada escolar esteja devidamente concluída. A iniciativa visa evitar a formação de grandes filas para a inscrição das novas matrículas, que devem começar a ser realizadas a partir de janeiro de 2014.

Segundo informações do secretário da Semed, Marcos Rocha, neste ano ocorreram problemas com a chamada escolar porque o sistema acusou falhas que acarretaram transtornos na realização das matrículas. Tanto os pais dos alunos como os servidores da Semed tiveram de passar por grandes transtornos. “Esperava-se que o sistema estivesse pronto para a chamada escolar, mas nos deparamos com falhas graves. Para evitar problemas semelhantes, desde o início do ano começamos a trabalhar com o censo escolar, que agora está concluído”, explicou.

O processo de chamada escolar para o exercício de 2014 acontece por meio de três tipos de trabalhos distintos. O primeiro é o do censo escolar para levantamento da quantidade real de alunos matriculados na Rede Municipal. Essa etapa já se encontra encerrada e o sistema está devidamente atualizado. O segundo é o da rematrícula desses alunos e acontece durante os meses de novembro e dezembro deste ano. A terceira etapa será a da matrícula dos novos alunos, a iniciar-se em janeiro de 2014.

“Os alunos que vão continuar na Rede Municipal deverão ser matriculados até ao fim deste ano. Não importa se foi aprovado ou não, deve ser rematriculado. Assim, não será necessária a formação de filas para conseguir vagas, a não ser nos casos de alunos que vão passar de uma escola da rede para outra escola da rede, mas temos agora mais tempo para resolver essas coisas. Para o ano que vem, faremos apenas as matrículas dos alunos que ainda não pertencem à Rede, ou seja, alunos de escolas estaduais, particulares, de outras cidades ou que vão ingressar agora nas escolas municipais.

Creio que estamos dando um passo importante para evitar transtornos com a chamada escolar e que isso deve favorecer bastante os pais e os próprios alunos”, destacou o secretário.

Fonte: Assessoria

Rato na Coca-Cola nunca existiu, conclui TJ-SP

Coca-Cola eleva investimento para R$ 3 bilhões no Brasil em 2017

O suposto rato encontrado em uma garrafa de Coca-Cola, que causou uma crise de imagem pela qual a empresa precisou manifestar-se publicamente negando o ocorrido, na verdade, nunca existiu. Esta foi a conclusão do Tribunal de Justiça de São Paulo (TJ-SP).

Na quarta-feira, a juíza Laura de Mattos Almeida, da 29ª Vara Cível do TJ-SP julgou improcedente a ação de Wilson Batista de Resende contra a Spal, engarrafadora da Coca-Cola no Brasil.

O relojoeiro, que tem dificuldades motora e de fala, diz ter adquirido a condição após ingerir o conteúdo de uma garrafa da bebida que fez “seus órgãos queimarem”. Ele teria comprado um fardo com seis embalagens do produto, e alega que, em uma das garrafas, havia uma cabeça inteira do roedor.

Peritos do Instituto de Criminalística (IC) vistoriaram duas fábricas da Spal nas quais poderiam ter sido fabricadas as garrafas do lote que, segundo Resende, estaria contaminado. As unidades ficam em Jundiaí e Cosmópolis, no interior de São Paulo. Além disso, o e do Instituto de Pesquisas Tecnológicas (IPT), analisou o conteúdo das três garrafas de Coca-Cola enviadas pelo Ministério Público, das quais uma supostamente lacrada teria no seu interior uma pata inteira de rato.

Segundo a sentença, disponível para consulta no site do TJ-SP, “os peritos do Instituto de Criminalística concluíram que, no processo normal de enchimento e engarrafamento de embalagens de 2 litros do refrigerante Coca-Cola, nas unidades de Cosmópolis e Jundiaí, considerando as condições físicas e de higiene das instalações, além das boas práticas de manufatura adotadas, não é possível o aparecimento de um corpo estranho do tipo observado visualmente na garrafa lacrada”

O documento ainda diz que, de acordo com o engenheiro responsável pelas análises do IPT afirma em seu lado que “existe a possibilidade de que a tampa original tenha sido removida, com a adulteração do conteúdo, e a garrafa novamente fechada com uma tampa nova, retirada do processo de fabricação ou de outra garrafa, sem que tenha ocorrido ruptura do lacre.”

A setença reitera ainda: “Além da inexistência de prova segura de ter sido o produto fabricado pela ré e dos fortes indícios de fraude, não se pode deixar de considerar, ainda, que o autor não ingeriu a bebida acondicionada nas garrafas onde se encontravam a pata e a cabeça do roedor. A mera repulsa de visualizar o corpo estranho não constitui causa de alteração psicológica apta a ensejar a condenação do fabricante ao pagamento de indenização por danos morais”

Sobre a condição de Resende, o documento diz que segundo perícia realizada por psquiatras e neurologistas do Instituto de Medicina Social e de Criminologia de São Paulo (IMESC), ele “não apresenta alterações ou sequelas neurológicas relacionadas ao envento”.

Para os especialistas do Instituto, o relojoeiro é portador de transtornos de personalidade e comportamento devido a alguma doença, lesão ou disfunção cerebral. A sentença diz  que os problemas psiquiátricos de Resende puderam ser notados em seu depoimento pessoal quando teria dito que, desde os supostos problemas com o refrigerante, “passou a dedicar-se a prender gerentes do Carrefour pela venda de produtos defeituosos” e que “vai até o fim do mundo contra a Coca-Cola”.

A decisão é de primeira instância e ainda cabe recurso.

Fonte: Exame

Identificado policial morto em confronto

O militar morto no início desta tarde (14) no distrito de Rio Pardo, distante cerca de 200 km de Porto Velho foi identificado como; Luis Pedro de Souza Gomes, soldado da Força Nacional do estado do Mato Grosso do Sul.

O militar foi alvejado com um disparo de arma de fogo na altura do ombro, que transfixou o tórax e resultou na morte.Todo o contingente policia foi evacuado do local e aguardam o resultado de uma reunião que acontece em Porto Velho, para decidir o que será feito.
As informações são do Rondoniaovivo

Policial da Força Nacional é morto em confronto em Rondônia

Vítima ainda foi socorrida por colegas de farda

A morte de um  policial da Força Nacional identificado como Luís Pedro de Souza Gomes aconteceu no início desta tarde (14) no distrito de Rio Pardo, distante cerca de 200 km da capital, quando houve um confronto entre policiais e moradores daquela região.

Luiz Pedro de Souza Gomes foi morto em 2013 na região de Rio Pardo
Luiz Pedro de Souza Gomes foi morto em 2013 na região de Rio Pardo

Segundo informações apuradas junto ao coronel Enedi da PM que esta no local, o militar morto era do estado do Mato Grosso do Sul e foi alvejado com um disparo de arma de fogo na altura do ombro, que transfixou para o tórax e ocasionou na morte.

A vítima ainda foi socorrida por colegas de farda, porém devido à gravidade do ferimento acabou não resistindo.

Neste momento, todo o contingente policial foi evacuado da área, e aguardam o resultado de uma reunião, que acontece na SESDEC (Secretaria de Segurança, Defesa e Cidadania) em Porto Velho com o secretario de segurança pública, Marcelo Bessa, onde serão deliberadas as medidas que a serem tomadas no distrito ainda hoje. Segundo o coronel Enedi a situação no local está parcialmente tranquila.

Fonte: Rondoniaovivo

Enquanto o caos propera em Rio Pardo, Secretário de Segurança doa sangue

Moradores do distrito de Rio Pardo em Porto Velho estão protestando desde a manhã desta quarta-feira ( 13) contra supostos abusos de homens da Força Nacional, Goe e fiscais do ICMBIO que estão em operação na Floresta Nacional do Bom Futuro em Rondônia.

Denúncias não param de chegar  avisando sobre balas de borracha, pedras, bombas de gás lacrimogêneo, barricadas formadas com entulhos, restos de madeiras e pneus queimados enfim um cenário, idêntico ao de um campo de guerra, com todos os nuances hollywoodiano.

Cerca de 300 pessoas estão mobilizadas no protesto que derrubou árvores e queimou pontes na linha 6, estrada que dá acesso ao distrito, enquanto cerca de 40 servidores só conseguiram sair caminhando. O clima na região é de tensão. Há alguns dias, cerca de 170 camponeses que tinham sido despejados, retornaram para suas demarcações.

Na contramão de todo esse Caos, a autoridade máxima em segurança do Estado está doando sangue na FHEMERON, não esclarecendo a sociedade que acompanha atônitos os índices de criminalidade subir em todo o Estado de Rondônia, e a falta de informação oficial sobre os acontecimentos de Rio Pardo.

13843898623

138439007299 138444943539 138444943794Marcelo Bessa

Confira as principais diferenças gráficas entre GTA 4 e GTA 5

Com toda a promessa de uma geração, Grand Theft Auto IV deixou muita gente boquiaberta na época. O ano era 2008, quando os sistemas atuais ainda engatinhavam e cada passo dado pela indústria era visto como um grande avanço. Tanto que, quando a Rockstar trouxe a aguardada sequência, muitos acreditavam ser impossível ir além em termos de fidelidade visual na hora de trazer um mundo aberto como Liberty City.

Mas o tempo passa, o tempo voa e chegamos a 2013. Cinco anos depois da dita revolução, o estúdio conseguiu surpreender novamente, desta vez com GTA 5. E como era de se esperar, as diferenças gráficas entre os dois títulos é imensa, sendo muito difícil encontrar características em comum entre elas, por mais que estejamos falando do mesmo motor gráfico.

Em meia década, muita coisa mudou — principalmente em uma indústria tão movimentada quanto a dos video games. Então, por que diabos fazer esse tipo de comparação se já sabemos a resposta do que vamos encontrar?

Como mencionado, tanto GTA IV quanto seu sucessor utilizam a mesma engine, a chamada Euphoria. Por se tratar de uma única tecnologia, é possível comparar o salto dado pela atual geração neste período de cinco anos. Afinal, a Rockstar não trouxe nada inédito, apenas melhorou e refinou algo que ela já utilizava — ou tentava utilizar — há cinco anos.

A maior mudança sentida entre GTA IV e V é a nitidez da imagem. Como o primeiro título foi lançado ainda no início da geração, a Rockstar ainda não conseguia explorar ao máximo o potencial de seu motor gráfico e, para manter o desempenho do game considerável dentro das proporções apresentadas, alguns truques tiveram de ser aplicados.

O principal deles foi a aplicação de um filtro que, em resumo, desfoca objetos mais distantes a fim de destacar apenas aquilo que está em primeiro plano.

Que venha a nova geração

Como citado anteriormente, a evolução existente entre GTA IV e seu sucessor é absurda e não representa apenas o salto dado pela Rockstar na última meia década, mas de toda a indústria ao longo dessa geração. E se, em apenas cinco anos, as produtoras conseguiram aprimorar suas engines nesse ponto, fica ainda mais difícil imaginar o que esperar dos títulos do Xbox One e PS4 em 2018. Mas seja lá o que for que vamos encontrar, sabemos que será coisa boa.

Condenação de réus do mensalão não prejudica projeto de reeleição de Dilma

Mesmo depois do resultado da longa sessão de ontem marcada por discussões em que os ministros do STF (Supremo Tribunal Federal) decidiram pela execução imediata das penas da maioria dos condenados do mensalão e as condenações de José Dirceu, Delúbio Soares e José Genoíno, segundo Luciano Dias, não prejudica o projeto de reeleição da presidente petista Dilma Rousseff em 2014.

“houve uma renovação nos quadros da legenda, que se distanciaram um pouco desta geração. É o caso da Dilma e do Haddad, que não têm nenhuma relação com o mensalão. O próprio Lula nunca foi implicado diretamente”.

Para Davi Fleischer, cientista político da UnB, é possível que tenha algum impacto nas eleições, mas vale lembrar que o PSDB, principal partido da oposição, está bem vulnerável por causa dos seus próprios problemas, segundo ele, a questão do propinoduto e o mensalão mineiro, que deve ser julgado em 2014, podem beneficiar Dilma. “Se o PSDB quiser explorar o mensalão, o PT pode devolver na mesma moeda”.

Para Luciano Dias, diretor da CAC Consultoria Política, o impacto deve ser nulo, já que os réus são desconhecidos da maioria da população. O grande eleitorado não está preocupado com o resultado do mensalão, ainda segundo Dias, a falta de conhecimento da população com relação ao processo dificulta até mesmo que ele seja usado como munição contra o PT na propaganda eleitoral.

USP já gasta quase 100% de recursos com funcionários

O gasto com pessoal já compromete todo o orçamento da Universidade de São Paulo (USP) em 2013, último ano de mandato do reitor João Grandino Rodas. O custo com salários e benefícios representa 99,78% do total, a maior proporção em dez anos. Somando gastos com custeio e investimentos, o porcentual chega a 122% – fixado em R$ 4,3 bilhões. Novos investimentos e contratações pode ficar comprometidos para a próxima gestão.
Com a universidade gastando mais do que recebe, o déficit está sendo coberto com reservas financeiras da instituição. Já foi gasto cerca de R$ 1 bilhão desse “colchão” – mais de um terço do montante reservado em caixa em fevereiro.

O tema virou mote de uma das quatro chapas que concorrem à reitoria. O economista Hélio Nogueira da Cruz, que foi vice-reitor na atual gestão e é considerado próximo do reitor João Grandino Rodas, aponta o ajuste como uma das prioridades para os próximos anos.

Cruz acredita que o crescimento da economia no ano que vem deve levar a aumento na receita, mas admite que será preciso ter muita cautela. Ele nega que haja a necessidade de demissões, mas afirma que é preciso rever a reposição de funcionários em caso de aposentadoria. “Temos um plano de investimento que contempla áreas estratégicas que não podem parar. Mas é preciso garantir o equilíbrio e definir regras mais rígidas para o uso das reservas.”

A USP é financiada com porcentual de 5,029% do Imposto sobre Circulação de Mercadorias e Serviços (ICMS). O orçamento da universidade varia de acordo com a arrecadação.

Em nota, a USP argumenta que buscou ampliar os investimentos em várias áreas e, principalmente, valorizar a carreira de seus servidores. “Contudo, os compromissos assumidos ao longo desse período foram baseados numa conjuntura econômica mais favorável que a atual”, cita nota. A “relativa estagnação” da economia teria resultado em um descompasso entre o crescimento da despesa e dos repasses.

Mesmo com a desaceleração entre 2009 e 2012, os repasses para a USP cresceram 24% nos últimos 5 anos (considerando até outubro deste ano). Comparando outubro de 2012 com outubro deste ano, o repasse já é 16,84% maior. Com relação aos gastos com salários e benefícios, o volume saltou 51% desde 2009.

Teto
Estudos da própria USP indicam que o teto para o funcionalismo deveria ser de 85% para que as contas não fossem comprometidas. O ex-reitor da USP Roberto Leal Lobo e Silva Filho ressalta que a universidade tem outras fontes de recursos, como a Fapesp e órgãos federais de fomento, mas um teto “razoável” para a folha de pagamento seria de, no máximo, 80%. “Gastar 100% é incrível. Porque você não tem recursos para graduação, não pode fazer investimento, repor funcionários”, diz.

Lobo lembra que, quando assumiu a reitoria, em 1990, logo após a universidade ganhar autonomia financeira, a situação era similar em relação à folha de pagamento. “Tive de acabar com vagas disponíveis e tive de fazer uma série de medidas de contenção”, diz. “A questão é que há gente demais.”

Plano de carreira
Em 2011, a reitoria aprovou novo plano de carreira. O projeto, que agradou a professores, além de funcionários técnicos e administrativos, causou aumento do piso e do teto salarial e maior mobilidade na carreira, entre outras vantagens. O maior aumento foi no nível básico: 26,9%. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.