Advogado assassinado havia sido preso acusado de ser mandante de morte de colega

Alceu Scopel foi acusado de mandar matar o também advogado Orli Rosa, em 2008

O advogado Alceu Scopel Filho, morto à tiros no início da tarde deste sábado, foi preso em janeiro de 2008 após ter sido acusado de ser o mandante da morte do também advogado Orli Rosa, em Buritis.

O assassino confesso Roberto dos Santos Araújo foi preso por volta das 14h, no Hospital Estadual João Paulo II, em Porto Velho, quando fazia visita a sua esposa internada. Ele confessou à polícia que Alceu S. Filho prometeu a quantia de R$ 5 mil para que Roberto dos Santos Araújo e seu irmão Robson dos Santos Araújo (preso dia no dia 30 de novembro de 2006) matassem Orli Rosa. Porém, de acordo com Roberto, o suposto mandante do crime não cumpriu com sua promessa de pagamento.

Após o interrogatório de Roberto, o juiz de ofício Leonardo Leite Mattos e Souza, decretou a prisão do advogado Alceu S. Filho, que foi preso ontem, em sua residência localizada no município de Buritis. O advogado recebeu voz de prisão e foi conduzido à delegacia de Ariquemes, onde prestou depoimento e se encontra detido.

Ainda conforme depoimento de Roberto dos Santos Araújo, quem efetuou os disparos contra o advogado Orli Rosa, foi seu irmão Robson, que teria descarregado toda a munição da arma, depois recarregado a arma e disparado novamente toda a munição. A versão do crime contada por Roberto é diferente da que relatou Robson, o que levou a polícia a pedir uma acareação futura entre os irmãos.

No depoimento de Robson, ele diz que o crime não foi mandado e que o assassinato ocorreu porque o advogado Orli Rosa não quis defender uma causa em favor dele próprio, o que teria causado a revolta.

O crime

O homicídio do advogado Orli Rosa aconteceu na noite do dia 28 de novembro de 2007, às 19h45, quando ele e sua esposa estavam em sua residência, situada na Rua Califórnia, 2049, setor 07, e dois rapazes entraram na casa efetuando disparos em direção ao advogado.

Morte de Scopel

IMG-20160813-WA0003

Por volta do meio dia deste sábado, o advogado Alceu Scopel estava no banco traseiro de um veículo quando foi atingido por sete disparos de arma de fogo por um motociclista, que fugiu em seguida sem nada levar. O governador Confúcio Moura afirmou ao presidente da OAB de Rondônia, Andrey Cavalcante que determinou à Secretaria de Estado da Segurança, Defesa e Cidadania (Sede) a “apuração rigorosa e rápida do crime” que não pode ficar sem reposta. A ordem garante que já está acompanhando de perto toda a investigação.

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

1 thought on “Advogado assassinado havia sido preso acusado de ser mandante de morte de colega

Participe do debate. Deixe seu comentário

%d blogueiros gostam disto: