Assassinato de adolescente em Cerejeiras está prestes a ser desvendado; delegados anunciam coletiva

Nesta quarta-feira (26) por volta das 12h haverá uma coletiva de imprensa na delegacia de Cerejeiras.

Fontes policiais do FOLHA DO SUL ON LINE em Cerejeiras acabam de confirmar que estão prestes a desvendar o crime registrado na cidade e que continua chocando todo o Cone Sul, o assassinato da adolescente Jéssica Moreira Hernandes, 17 anos. O corpo da jovem, que havia desaparecido sem deixar pistas no dia 20 de abril, foi encontrado nos arredores da cidade na segunda-feira, 24.

Três pessoas próximas à vítima estão, neste momento, sendo ouvidas no Fórum de Cerejeiras, na condição de suspeitas de participação no homicídio: o namorado de Jéssica, um primo do rapaz e sua esposa.

O site tentou obter informações sobre a motivação do crime, mas os delegados que comandam as investigações disseram que só vão falar sobre o caso em entrevista coletiva marcada para o meio-dia desta quarta-feira, 26.

Clima Tenso
Desde que o cadáver da estudante, com marcas de facadas, foi encontrado, o clima é de revolta em Cerejeiras. Ontem, uma multidão revoltada tentou invadir a DPC da cidade, aparentemente para “linchar” os três suspeitos.

Ao longo da noite, imagens veiculadas em grupos de WhatsApp mostrava que o policiamento havia sido reforçado para evitar o eventual justiçamento, promovido por populares indignados com a crueldade.

Um intenso confronto foi registrado em Cerejeiras após o delegado pedir a prisão temporária dos três suspeitos de cometer um crime brutal, moradores ficaram revoltados ao saber que Ismael Silva (namorado de Jéssica), Diego (primo de Ismael) e a esposa de Diego tinham sido levados até a delegacia para prestar esclarecimentos sobre o crime.

Os moradores se reuniram e fizeram protesto em frente a delegacia, sendo necessário pedir apoio da Polícia Militar. O delegado Rodrigo Spiça pediu a prisão temporária dos suspeitos, pois durante o depoimento houve contradição. Em dado momento, o próprio delegado chegou a subir no muro da delegacia e conversou com a população que estava revoltada. No vídeo abaixo gravado algumas pessoas chegaram a depredar a delegacia.

O clima de revolta não parou por aí, enquanto os moradores se revezava em frente a delegacia e no velório da vítima, outros ficaram aguardando em frente ao presídio. Por lá, os agentes tiveram que conter a multidão com balas de borracha, conforme vídeo abaixo.


Assassinato de adolescente em Cerejeiras está… por painelpolitico


Assassinato de adolescente em Cerejeiras está… por painelpolitico

 

 

 

Anúncios
Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Participe do debate. Deixe seu comentário