Bebê é arremessado de ponte de 30 metros de altura pela mãe e sobrevive

Em depoimento, segundo a polícia, ela alegou que tem problemas mentais

Um bebê de sete meses de idade foi arremessado pela própria mãe da ponte José Sarney, em São Luís, na tarde desse domingo (18). Apesar da queda de aproximadamente 30 metros, a criança teve apenas ferimento nas costas e passa bem. A mãe foi detida.

Segundo a direção do hospital Socorrão 1, para onde a criança foi levada por policiais e Samu
(Serviço de Atendimento Móvel de Urgência), ela chegou às 14h05 e passou por uma bateria de
exames que não apontaram fraturas.

Na hora da queda, o rio estava seco, o que fez com que o bebê caísse em cima de uma parte com
lama, o que amorteceu a queda.

“Eu diria que foi um milagre [a criança não ter lesões sérias]. Naquela hora, Deus colocou a mão
sobre aquela criança e a salvou. E como havia pessoas que viram a cena e logo procuraram ajuda
evitou-se que a maré enchesse e a levasse”, contou o diretor do hospital, Rafael Coringa, em
entrevista à TV Mirante.

Segundo ele, o bebê está em observação sob cuidados do serviço social da unidade, mas a
liberação dele só vai ocorrer com uma ordem judicial que indique com quem deve ficar. O Conselho
Tutelar da região acompanha o caso.

A mãe da criança, Karla Regina Mendes Pereira, 23, foi presa em flagrante. Ela deve responder
pelo crime de tentativa de homicídio.

Em depoimento, segundo a polícia, ela alegou que tem problemas mentais. O UOL não conseguiu
informações se ela constituiu advogado ou será defendida pela Defensoria Pública.

Fonte: uol

Anúncios
Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Participe do debate. Deixe seu comentário