“Botão do pânico” para proteger mulher vítima de violência pode ser adotado em todo o país

Garantir a proteção de mulheres que já foram atacadas e que estão sob a proteção da justiça é um grande desafio. 

Mas o Tribunal de Justiça do Espírito Santo conseguiu encontrar uma solução eficaz e que se baseia no porte, pela vítima, de um dispositivo – um botão do pânico – que dispara sinais de localização, de som e de alarme da mulher protegida, caso o agressor se aproxime ou ameace.

A senadora Maria do Carmo Alves (DEM-SE) quer que essa tecnologia seja adotada, de forma obrigatória, em todo o país. Por isso, ela apresentou um projeto (PLS 119/2015) com essa intenção.

Com informações do site Senado noticias

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário