Cartunista Jaguar vai lançar livro com cartuns censurados na ditadura

Artista Sérgio Jaguaribe, de 84 anos, é um dos fundadores do “Pasquim”

O cartunista Sérgio Jaguaribe, o Jaguar, de 84 anos, vai lançar um livro com cartuns inéditos que foram censurados no período da ditadura militar. Ele é um dos fundadores do jornal “O Pasquim”.

De acordo com a coluna Gente Boa, do jornal O Globo, o livro chega às bancas em 2017 e faz parte das comemorações dos 60 anos de carreira de Jaguar.

O Pasquim foi editado entre 1969 e 1991 e também foi símbolo da contracultura e da resistência do regime militar.

Anúncios
Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Participe do debate. Deixe seu comentário