Coluna – Confúcio pode cair por uso de computadores da SEDUC em campanha

Equipamento público foi usado para atacar Expedito Júnior e outros e elogiar atuação do governo em diversas áreas; ação pode custar o mandato

Fica olhando

O governo vem investindo pesado na publicidade referente à criação de pirarucu, que seria a salvação para os piscultores, que é um grande negócio, etc. A coluna já alertou para as dificuldades e desafios encontrados por quem quer entrar no ramo, ou mesmo aumentar a produção, que ainda pode ser considerada “artesanal”, evidentemente com exceções. Entre os desafios para a criação do peixe, está a obtenção de matrizes. Atualmente a empresa Mar e Terra fornece os alevinos certificados, ou seja, de origem comprovada. O pirarucu, por ser um peixe nativo, é protegido por lei e é necessário que eles usem um chip de identificação, do contrário, sua comercialização é considerada crime.

Pois é

Só que os produtores de Cacaulândia, onde a criação está acelerada, descobriram que eles próprios podem produzir os alevinos, a partir de matrizes compradas fora. Porém essas matrizes precisam ser reconhecidas, e advinha quem faz isso? Isso mesmo, a SEDAM. E ela não fez. Os produtores estão com mais de meia tonelada do peixe estocada, sem ter como vender por falta desse reconhecimento.

Isso, governador

Chama-se “fogo amigo”. Seu próprio pessoal está jogando contra o programa de incentivo à criação de peixe. Com um time desse que está na SEDAM, o Estado pode esquecer qualquer tipo de programa de que dependa de licenciamento ambiental. Na SEDAM o tempo parou. A única coisa que andou rápido foi a compra das camionetes do CAR. E mesmo assim, ainda compraram errado.

Falando em produção rural

Ivonete Gomes e Gerson Costa (Rondoniagora) estão editando a revista Visão, que está em sua segunda edição e é totalmente voltada para o setor produtivo do Estado. O material, bem produzido e com reportagens abrangentes, mostram a Rondônia que Rondônia não conhece. A revista, mensal, está circulando em todo o Estado e a versão on-line pode ser vista AQUI!

Game over

A Rede Globo mostrou nesta sexta-feira documentos comprovando que as contas na Suíça pertencem, de fato, ao presidente da Câmara dos Deputados, Eduardo Cunha (PMDB-RJ), que agora passa de caçador a caça, e vai ter muita sorte se não encerrar 2015 na cadeia. De acordo com a A TV Globo, a emissora teve acesso com exclusividade à documentação encaminhada pelo Ministério Público suíço ao Brasil, no qual, além da reprodução do passaporte e do visto norte-americano de Cunha, constam nome completo, data de nascimento e o endereço dele em um condomínio de luxo na Barra da Tijuca, no Rio de Janeiro.

Foi assim

As investigações indicam que Cunha manteve quatro contas bancárias na Suiça, abertas entre 2007 e 2008. Dessas, duas teriam sido fechadas pelo peemedebista no ano passado, em abril e maio. Neste ano, em depoimento à CPI da Petrobras, ele afirmou que não tem contas no exterior. As outras duas contas, com saldo de 2,4 milhões de francos suiços (cerca de US$ 2,4 milhões ou R$ 9,3 milhões), foram bloqueadas pelo Ministério Público daquele país. Parte do dinheiro teria sido pago a Cunha como propina por contrato fechado entre a Petrobras e a empresa Companie Beninoise des Hydrocarbures Sarl, em Benin, na Africa. Segundo as investigações, o empresário Idalecio de Oliveira era proprietário de um campo de petróleo em Benin e fez um contrato de US$ 34,5 milhões com a Petrobras para exploração do mesmo.

Futurologia

Sabe o que acontece agora? Todas as baterias se voltam para Cunha, e o governo vai ganhando fôlego. Com Cunha cada vez mais enfraquecido a tendência vai ser o substituto de Cunha, deputado Waldir Maranhão (PP-MA) esfriar de uma vez por todas qualquer conversa referente a impeachment de Dilma Roussef. Cunha deve sangrar até novembro. Vamos acompanhar.

Por aqui

Pesa sobre Confúcio Moura uma ação movida pelo ex-senador Expedito Júnior referente ao uso de computadores da Secretaria de Educação, durante toda a campanha eleitoral de 2014, para difamar Expedito e promover Confúcio. Emerson Castro era responsável pela SEDUC no período, nem preciso comentar mais nada, né?

Pois é

A coligação de Expedito conseguiu comprovar o uso do equipamento público durante o horário de expediente e as postagens eram com ofensas graves. Foram rastreados os IPs das máquinas. Castro se faz de gato morto em relação a esse assunto…

 

Lobby

E a indústria farmacêutica que fatura bilhões por ano em medicamentos que tratam o câncer deu início a uma pesada artilharia contra o produto fosfoetanolamina, que vem sendo sintetizado pelo laboratório da USP, em São Carlos (SP). A imprensa nacional vem batendo na questão que o produto ainda não foi aprovado pela Anvisa, como se isso fosse algum impedimento. Evidente que são necessários testes, mas quem tem um parente doente, ou está enfermo, não pode nem quer esperar. Se a droga, de fato consegue combater essa doença tão terrível, que seja distribuída e que seja feito o acompanhamento. O que não pode é deixar o lobby gigantesco da indústria matar esse tratamento.

Como vai ser?

Maurão de Carvalho foi convidado pelo PMDB para ser candidato ao governo em 2018. O problema é que o PMDB é aliado do PDT, de Acir Gurgacz que também quer ser governador na mesma eleição. Isso significa que eles vão rachar.

Dominando

E o PDT, em função desse projeto em 2018, vem trabalhando para cavar espaço na prefeitura de Porto Velho, que muitos já estão considerando como “braço público da Rede TV!”, tendo em vista que alguns profissionais da casa estão ocupando cargos na administração municipal, inclusive Dalton di Franco, que é vice-prefeito.

Fim de semana

Você vai na Prime Espaço Gourmet, compra aquele corte especial, chega em casa e descobre que a cerveja está quente. Não se apavore, a Prime te dá duas dicas para gelar rapidamente a cerveja, 1. Gelo + sal + álcool – Providencie um cooler ou caixa de isopor e encha-o de pedras de gelo. Adicione duas colheres de sopa de sal e 500 ml de ácool. E pronto. Coloque as latas dentro e deixe lá por três minutos, virando-as de vez em quando. A mistura de sal e álcool produz uma reação endotérmica que “rouba” o calor dos recipientes no gelo, fazendo com que eles fiquem gelados mais rapidamente. 2. Toalha molhada – Esse truque é bem simples e não requer nenhum material complexo. Basta pegar uma toalha ou pano de prato que absorva uma boa quantidade de água, umedecê-la e enrolar na garrafa ou lata da bebida que você deseja gelar. Depois, é só colocar a garrafa no freezer por um curto período de tempo, fazendo com que a água no tecido congele e roube o calor contido na superfície do objeto, diminuindo sua temperatura. O truque também funciona com um guardanapo de papel molhado. A Prime fica na Jorge Teixeira, 2773.

Clínica Mais Saúde informa – Hidratação é importante para manter o nível de água no organismo

Que a água no organismo é indispensável para o seu bom funcionamento, ninguém pode discordar. Cerca de 60% do corpo de um ser humano adulto é composto por água. Ela tem papel fundamental no transporte de nutrientes e na regulação da temperatura corporal. Por isso, a quantia eliminada através da urina e do suor precisa ser reposta. A questão que pode causar divergências de opinião se refere ao volume necessário de água a ser ingerido durante o dia. A classe médica e instituições de renome como a National Health Service, do Reino Unido, recomendam a ingestão um litro e meio a dois litros por dia, para garantir a hidratação necessária. Mas será que a recomendação está correta? Um periódico publicado pelo British Medical Journal sugere que não há evidências claras em relação aos benefícios do consumo exato dessa quantia. O fato é que a orientação varia de acordo com o peso da pessoa, a temperatura do ambiente, a prática de exercícios físicos, a alimentação e a idade.

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário