Condenado por morte de Mércia Nakashima tem pena reduzida

O vigia Evandro Bezerra, acusado de ser cúmplice de Mizael Bispo no assassinato de Mércia Nakashima, teve a pena reduzida pelo Tribunal de Justiça de São Paulo.

Evandro havia sido condenado a 18 anos e oito meses, mas com a nova decisão, cumprirá 17 anos e seis meses.

“Quando Evandro foi condenado em 2013, a juíza Maria Gabriela Riscali Tojeira aumentou a pena alegando que ele mentiu. Mas meu cliente só negou que participou do crime”, comentou Aryldo Oliveira de Paula, advogado de Evandro. “Então pedi para o TJ rever a pena aplicada e os três desembargadores decidiram reduzir o tempo de prisão se baseando no princípio de que não importa se ele mentiu ou não. O que importa é que é direito do réu não produzir prova contra si”, completou.

Mércia foi morta pelo ex-namorado, Mizael Bispo, militar reformado, em maio de 2010. Ela desapareceu de Guarulhos, dia 23 de maio, e acabou encontrada baleada e afogada em junho, em uma represa de Nazaré Paulista, região metropolitana da capital paulista.

Os dois foram acusados e condenados por homicídio doloso qualificado por motivo torpe, meio cruel e recurso que dificultou a defesa de Mércia. Ela tinha 28 anos. Os assassinos tinham 47 (Mizael) e 45 (Evandro). Eles atualmente estão na penitenciária de Tremembé.

Fonte: noticiasaominuto

Anúncios
Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Participe do debate. Deixe seu comentário