Crateras na BR-364 sentido AC faz DNIT montar força tarefa

Com o inicio do período mais intenso de chuva na Amazônia, a BR-364, sentido Porto Velho-Acre, volta ser motivo de preocupação para quem utiliza ou depende da rodovia para se interligar ao resto do país.

Diversos pontos da BR já apresentam erosões devido à força do rio, potencializada pelo aumento do nível da chuva neste ano.

Em um desses pontos da rodovia foram captadas imagens que mostram a situação da pista. Maquinários de um lado para o outro despejam pedras ao entorno da rodovia na tentativa de impedir o avanço dos buracos.

No km 872, distante cerca der 160 quilômetros de Porto Velho, é possível observar a rápida evolução da erosão da pista que em apenas 10 dias tomou os dois lados da cabeceira de uma ponte. (Veja Aqui).

O DNIT (Departamento Nacional de Infraestrutura de Transporte) montou uma “força tarefa” para restaurar as áreas comprometidas na BR-364.

De acordo com o órgão é importante os usuários da rodovia prestarem bastante atenção nas sinalizações das áreas que estão funcionando em meia pista.

Até o momento o DNIT descarta qualquer possibilidade de interrupção ou suspenção do fluxo da BR.

Veja as imagens:

Fonte: rondoniaovivo

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário