Defensores públicos são feitos reféns em rebelião na Penitenciária de Lucélia, em SP

Familiares de presos informaram que os rebelados reivindicam melhores condições do local.

Uma rebelião de presos ocorre na Penitenciária de Lucélia, iniciada na tarde desta quinta-feira, 26. Três defensores públicos foram feitos reféns.

De acordo com as informações da Secretaria da Administração Penitenciária do Estado de São Paulo, a penitenciária possui capacidade para abrigar 1.440 presos, mas atualmente conta com uma população carcerária de 1.820 homens. A unidade também dispõe de uma ala de progressão penitenciária, que tem capacidade para 110 presos e abriga atualmente 126.

Segundo uma fonte presente na penitenciária, os defensores teriam entrado contra a orientação da Diretoria da Penitenciária e, assim que entraram, foram feitos reféns.

[youtube https://www.youtube.com/watch?v=91vjF0WGNnA]

A Defensoria Pública do Estado emitiu comunicado sobre o ocorrido. Veja abaixo.

Fonte: migalhas

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *