Petista, conhecida na defesa do Direitos Humanos, foi hostilizada em protesto por mais segurança

A deputada federal do T, Maria do Rosario foi hostilizada por manifestantes que protestavam pela falta de segurança em Porto Alegre (RS). Ela foi ao velório da médica Graziela Müller Lerias, de 32 anos, morta em assalto na zona norte da Capital, no domingo. O veículo, um C4, foi encontrado carbonizado na Avenida Edgar Pires de Castro, bairro Restinga, por volta das 21h30min de ondem (16). A identificação foi possível pois as placas ficaram intactas. O carro agora será encaminhado para a perícia. As informações são da Rádio Gaúcha.

O assassinato de uma médica gerou uma onda de indignação. Hoje, pessoas estavam fazendo um protesto por mais Segurança Pública.

Graziela estava com o carro parado na sinaleira, acompanhada da irmã, quando dois homens teriam se aproximado e tentado abrir as portas do veículo. Ao perceberem as portas trancadas, abriram fogo, atingindo Graziela. As duas conseguiram descer, mas a médica foi levada em estado gravíssimo para o Hospital Cristo Redentor, onde morreu no fim da madrugada.

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário