Descubra qual a música mais deprimente do mundo, culpada de 100 suicídios

Um compositor húngaro chamado Reszo Seress escreveu, em 1933, uma música chamada Gloomy Sunday – Domingo Sombrio em tradução livre – que está relacionada a pelo menos cem suicidios ao redor do mundo e ficou conhecida como “música húngria suicida” no seu país de origem.

REZSO

Seress foi um compositor que lutou para viver de sua música e, no ano de 1933,  teve problemas em seu relacionamento e foi deixado pela namorada. Na época, o compositor entrou em um momento depressivo de sua vida e Gloomy Sunday foi escrita como forma de desabafo.

A angustia de Rezso só aumentou quando a música não emplacou quando foi lançada e sim alguns anos depois, quando regravada por Pál Kálmar. Após a regravação, vários suicídios começaram a acontecer na Hungria e todos relacionados à música e, graças a isso, a canção teve sua reprodução proibida.

Apesar da censura, em 1036 a música já tinha sido traduzida e regravada para o inglês. Em 1941, Billie Holliday regravou a canção w os Estados Unidos não impediu que o sucesso fosse divulgado, mesmo que anos antes a BBC tivesse considerado a música triste demais para ser reproduzida.

BH

SUICÍDIO DO MÚSICO

Seress foi capiturado e enviado a um campo de concentração na Segunda Guerra Mundial, porém conseguiu fugir. Após isso, dedicou tempo ao teatro e o circo, mas nenhuma de suas músicas chegaram a fazer sucesso novamente.

Depois de se tornar mundialmente conhecido, Rezso tentou reconciliar-se com a ex-namorada, a mesma que inspirou a triste música, porém ficou sabendo que ela havia cometido suicídio por envenenamento e, ao lado dela, a letra de sua música estava escrita em uma folha de papel.

No ano de 1968 o compositor pulou da janela do prédio onde morava e deixou um bilhete onde falava o seguinte sobre a música “essa fama fatal me machuca. Eu chorei todas as tristezas de meu coração nessa música e parece que outras pessoas, com sentimentos como os meus, encontraram sua própria dor”.

Abaixo a música, com legenda em português, cantada por Billie Holliday.

Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário