Desenho perdido de Da Vinci, de R$ 53 mi, é achado com aposentada

A obra, um esboço do mártir São Sebastião, estava no interior da França

Um desenho perdido de Leonardo da Vinci foi encontrado entre uma coleção de papéis pertencentes a um casal de médicos aposentados de uma localidade do interior da França. Eles decidiram levar os 14 desenhos à casa de leilões Tajan, de Paris, a fim de avaliar as obras.

Mas ao chegar no local, de acordo com o El País Brasil, o diretor da área de desenhos antigos da Tajan percebeu que os esboços feitos nos séculos XVI e XVII eram mais que especiais, pois, dentre muitos, havia um estudo do martírio de São Sebastião, semelhantes aos produzidos por Da Vinci.

“Seu proprietário, que prefere permanecer anônimo, os guardava em uma pasta há muitos nãos, depois de tê-los herdado do pai, que era bibliófilo, e não tinha consciência do seu valor”, afirmou Thadée Prate, diretor da casa.

“O esboço foi executado com uma pena ágil, com um contorno arredondado que dá densidade ao corpo, o que era comum na época da Adoração dos magos, antes da partida de Leonardo para Milão”, afirmou Bayser, especialista da Tajan.

De acordo com o G1, a obra está avaliada em 15 milhões de euros, o que dá aproximadamente mais de R$ 53 milhões. A autenticidade do desenho foi confirmada pelo especialista francês Patrick de Bayser e por Carmen C. Bambach, do Museu Metropolitano de Arte de Nova York.

“Isto significa que foi realizado por um artista canhoto, como Da Vinci. Estava imediatamente convencido de que era um Leonardo”, disse Bambach.

Fonte: noticiasaominuto

Anúncios
Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Participe do debate. Deixe seu comentário