'Ele se atirou', diz taxista que viu queda de argentino em aeroporto de Porto Alegre

‘Ele se atirou’, diz taxista que viu queda de argentino em aeroporto de Porto Alegre

Sérgio Javier Melino, de 33 anos, morreu na hora, e Melody Solange Yacubowski ficou ferida. Polícia já analisou imagens de câmeras e descartou homicídio.

Um taxista relata que o argentino que morreu após cair do segundo andar do aeroporto Salgado Filho, em Porto Alegre, “se atirou”. Além do homem, uma mulher também caiu do mesmo local e ficou ferida. O caso ocorreu na manhã desta segunda-feira (3).
“Eu vi um grito e caminhei aqui para o meio. Ele fez bem como se atirasse em uma piscina. Botou os dois pés juntos e se atirou ‘de avião’, de cara no chão”, observa o taxista José Carlos Barbosa, que trabalha há 30 anos no aeroporto.
“Em princípio, eu acho que ela tentou agarrar ele para não se atirar. E ele foi e se atirou. E logo já veio o estouro da mulher atrás. Só que a mulher, ela se atirou de pé. E ela dizia assim: ‘amore mio’. Foi o que eu vi”, complementa o taxista.
Sérgio Javier Melino, de 33 anos, morreu na hora. Já a mulher, Melody Solange Yacubowski, também de 33 anos, sobreviveu e foi levada para o Hospital Cristo Redentor. Conforme o delegado plantonista João Cézar Nazário, ela aparenta ter quebrado uma perna. “Está muito abalada”, salienta.
Sérgio e Melody estavam casados há cerca de um ano. Ele chegou ao Brasil em dezembro de 2013, e ela em outubro de 2012. A polícia afirma que os dois viviam em Porto Alegre.Polícia descarta homicídio

Depois de uma análise preliminar das câmeras de segurança, a polícia constatou que o casal não estava discutindo e ainda descartou a hipótese de homicídio.

Agora, o delegado espera que o depoimento da mulher, que segue internada no hospital, ajude a esclarecer o caso.

“Os próximos passos serão interrogá-la para ver o que ela tem a nos informar. Então agora nós temos que ver o que levou ele a cair, não sei se ele caiu ou se jogou. E ela se joga em seguida atrás dele”, observa Nazário.

Fonte: g1.com

Deixe um comentário