Em Cacoal, ambulância não é usada porque “não foi entregue oficialmente”

Um site de Cacoal publicou que uma ambulância que deve ser entregue aos bombeiros no dia 18 próximo está guardada e sem uso porque “não foi entregue oficialmente”, ou seja, não fizeram aquelas intermináveis solenidades com discursos de políticos se vangloriando da aquisição de um bem que é pago com dinheiro público.

A ambulância, segundo o Tribuna Popular, é uma Unidade de Resgate, 4 x 4, Hilux, adaptada para atender ocorrências na zona rural principalmente. Confira algumas características: UR – 100 que vai atender Cacoal. material cabine: # crlv (licenciamento anual) # cartão de abastecimento # 1 macaco hidráulico # 1 jogo de chave # 1 triângulo de sinalização # calibragem 33 libras frente 37 libras atrás material carga: # 2 cilindros de O2 de 7,3 l # 1 prancha de madeira # 1 maca com colchão # 1 extintor ABC de pó 10 kg # 1 extintor de co2 de 6 KG # 2 bolsa de Aph # 1 tracionador de fêmur # 1 cilibrim # 1 cone de sinalização # 1 extensão elétrica # 2 tesouras # 2 pinça dente de rato # 1 conjunto laringoscopio 5 peças # 3 pinça anatomica dente de rato # 3 Pinça mosquito reta # 2 lanterna multiclic (sem pilhas) # 2 termômetro digital # 1 estetoscópio # 1 alicate cortado de anel # 1 GPS automotivo.

Ambulância está sem uso por que os políticos ainda não fizeram a “entrega oficial”
Anúncios
Alan Alex é jornalista, editor do site e da coluna Painel Político. Natural de Porto Velho foi criador e editor do site Portal364, trabalhou na redação dos jornais Diário da Amazônia, Folha de Rondônia, revista Painel Político, foi assessor de imprensa, é roteirista, editor de conteúdo e relações públicas. Também atuou como repórter de TV e rádio. É filiado à ABRAJI.

Participe do debate. Deixe seu comentário