Em prisão domicilar, Marcelo Odebrecht solicita visita de 8 delatores

Empresário tem o direito de nomear 15 pessoas para visitá-lo em casa

Cumprindo prisão domicilar desde 19 de dezembro após dois anos e meio na cadeia, o empresário Marcelo Odebrecht teve o direito de escolher 15 pessoas para receber visitas. Na lista enviada à Justiça, no entanto, ele nomeou apenas oito, todos ex-executivos da empreiteira de sua família e delatores da Lava Jato.

Entre os nomes, segundo o jornal Folha de S. Paulo, estão Alexandrino Alencar, ex-diretor de relações institucionais, Benedicto Jr, ex-presidente de infraestrutura, Carlos Fadigas, ex-presidente da Braskem, Fernando Reis, ex-presidente da Odebrecht Ambiental, e Marcio Faria, ex-presidente da Odebrecht Engenharia. Além deles, o ex-presidente da Odebrecht pode receber familiares, advogados e médicos.

Anúncios
Painel Político, principal fonte de informações políticas de Rondônia. Com noticiário completo sobre economia, variedades e cultura.

Participe do debate. Deixe seu comentário