Ex-adjunto da Casa Civil tem início de AVC na cadeia

Vitorino Cherque, preso na Operação Cerberus foi medicado e passa bem

Preso na Operação Cerberus da Polícia Federal no início dessa semana, o ex-adjunto da Casa Civil do governo Confúcio Moura e ex-prefeito [su_frame align=”right”] [/su_frame]de Mirante da Serra, Vitorino Cherque teve um princípio de Acidente Vascular Cerebral (AVC) durante o feriado de quinta-feira na prisão. Ele foi acusado de corrupção em esquema que envolve quase R$ 20 milhões. Vitorino foi medicado e passa bem, e continua preso.

Os acusados, um total de 17 presos, foram transferidos para a casa de detenção de Ouro Preto do Oeste. São eles,  Vitorino Cherque, Dilcenir Camilo de Melo, Bianka Yasaka Lopes, João Paulo Leocardio, Josiane Tereza Moreno Yasaka, Leandro Gimenez da Silva, Mario Alessandro de Souza, Maria de Mattos Gorieli Mareni, Maria Alessandra de Souza Camargo, Paulo Henrique Yasaka Lopes e Rodrigo da Silva Peroni.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *