Exame de DNA confirma que crianças encontradas esquartejadas no RS são irmãs

O resultado do exame de DNA feito pelo Instituto Geral de Perícia apontou que os corpos de duas crianças encontrados esquartejados em Novo Hamburgo, no Vale do Sinos, eram de irmãos da mesma mãe. A informação foi divulgada pela Polícia Civil na manhã desta quinta-feira (28).

“Foi confirmado pelo exame de DNA que são irmãos filhos da mesma mãe. Agora pela manhã iremos analisar mais detalhadamente os laudos para verificar se há outras informações com informações relevantes”, afirmou o delegado Rogério Baggio Berbicz, responsável pela investigação.

Os corpos foram encontrados na Rua das Tranqueiras, bairro Lomba Grande, no dia 4 de setembro. Inicialmente, a polícia acreditou se tratar de uma mulher e uma criança, no entanto, dias depois, a perícia informou para a polícia que eram, na verdade, duas crianças.

Apesar dos resultados, a polícia ainda busca identificar as crianças.

No dia 18 foram encontradas mais partes dos corpos das crianças.No entanto, a polícia ainda não localizou as cabeças. Os exames feitos com as digitais após as mãos terem sido localizadas também não ajudaram na identificação.

Sem a identificação, a polícia ainda cogita diversas hipóteses para o crime, como a possibilidade de que as crianças tenham sido vítimas de disputas relacionadas com o tráfico de drogas, e até de que possam ter sido trazidas de outro lugar, uma vez que os corpos estavam dentro de caixas de uma marca de sabão em pó que não é vendida no Rio Grande do Sul.

A polícia divulgou ainda um número de telefone para a população ajudar com informações por meio do Whatsapp (51 98416 8902).

Fonte: g1/rs

Painel Político, é um blog de notícias de Rondônia, com informações sobre política regional, nacional, economia, jurídico e variedades. Siga-nos nas redes sociais, visite-nos diariamente e fique sempre bem informado.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *